Archive for the 'viagem' Category

dcpv – atacama vii – os géiseres de el tatio.

26/03/2014

Atacama VII – Os géiseres de El Tatio.

Hoje seria o nosso último dia neste colosso que é o Deserto do Atacama.

DSC01490

E nada melhor do que fechar uma viagem com chave de ouro.

DSC01578

Faríamos o passeio Tatio- Puritama (Altiplano Norte).

DSC01607

Duracion : 7 horas, 1 hora caminando a 4320 m de altura por los campos geotermicos de los Géiseres del Tatio.

DSC01593

Itinerário: salida del hotel de Larache a las 6:00 hs. Exploramos los campos geotermicos durante 1 a 1,5 horas, antes de regressarmos a la van para irmos a las Termas de Puritama (1,5 horas) ubicadas a 3500m sobre el nível del mar. Oportunidad de bañarse en las piscinas termales y tomar un aperitivo liviano.

DSC01666

Isto mesmo. Tomamos o nosso café da manhã as 5:30 hs e saímos de van rumo ao Tatio (estava muito gelado!!).

DSC01557

Este passeio tem que acontecer neste horário, porque é justamente bem cedo que o ar está mais frio e é a hora ideal para apreciar o vapor termal graças a condensação.

DSC01565

Ou seja, você passa quase duas horas no escuro e quando chega tem todas estas visões dos géiseres.

DSC01596

Este fotoblog é imperdível:

DSC01552

DSC01554

DSC01556

DSC01560

DSC01572

DSC01576

DSC01579

DSC01586

DSC01588

Saímos de lá rumo as Termas de Puritama. E a paisagem com sol é de entusiasmar qualquer um.

DSC01608

Também paramos no caminho em algumas pequenas lagunas altiplanas, …

DSC01629

… com tempo de ver alguns tipos “exquisitos” de aves,…

DSC01622

… inclusive, flamingos, …

DSC01653

… além de cruzarmos com grandes centros tais como Machuca …

DSC01641

… e sua curiosa igreja.

DSC01637

Enfim, chegamos nas Termas.

DSC01654

E é muito curioso ver estas piscinas com água naturalmente quente em plena altitude do Atacama.

DSC01664

É claro que aproveitamos pra dar uma entradinha e aproveitar de toda a infra (o explora é dono das termas e tem piscinas exclusivas para os seus hóspedes). Prontíssimo!

DSC01658-001

Voltamos ao hotel a tempo de almoçar (salmão pra Dé, …

DSC01674

… carpaccio pra mim, …

DSC01672

… côngrio pra nós dois, …

DSC01677

… torta de nozes pra Dé …

DSC01681

… e profiteroles de baunilha pra mim), …

DSC01680

…desmarcar a caminhada da tarde (além do tempo ter mudado, estávamos pregados) …

DSC01683

… e confirmar a massagem (uma cortesia do gerente do hotel) …

DSC01686

… que além de muito boa, foi feita num cenário muito bacana, a casa del Agua Tturi Puri.

DSC01689

Enfim, mais um programa excelente num hotel tal qual.

DSC01693

Como última e derradeira refeição, tivemos mais um jantar muito bom.

DSC01694

Pedimos os mesmos pratos. Uma maravilhosa sopa de milho, …

DSC01695

… salmão com couscous marroquino …

DSC01699

… e repetimos os profiteroles da almoço.

DSC01700

Bom foi isso, pessoal.

DSC01714

A nossa impressão inicial de que tínhamos que retornar ao Atacama foi confirmada.

DSC01703

Afinal, é um lugar que inspira o seu corpo …

DSC01407

…  a sua alma, …

DSC01280

… e que além de tudo, faz você achar a natureza uma das coisas mais belas do mundo.

DSC01119

Deixo pra vocês o texto que o explora nos entregou quando da nossa partida:

DSC01070

O que é o explora?

DSC01038

Para desfrutar de passeios em um mundo remoto.

DSC00919

Somente por isto.

DSC00867

Para perceber a beleza do inesperado, e o bom do inevitável.

DSC00853

Para dispor generosamente do tempo e espaço de estar só ou em boa companhia.

DSC00939

Para submeter no esplendor da natureza sem ter que se preocupar com sobrevivência ou alcançar metas.

DSC00860

Para contemplar a vida no ir e vir das estações do tempo e lembrar que somos apenas uma fagulha da plenitude.

DSC00789

Um espaço deslumbrante de liberdade.

DSC00694

Humor, amizade , silêncio.

DSC00647

A garantia de que após cada retorno um refúgio maravilhoso o espera.

DSC00591

Adiós.

Leia sobre os outros dias desta viagem:
Atacama I – A chegada e a primeira impressão de tudo.
Atacama II – O deserto em que se anda de bike, nada em lagoa salgada e vê cavernas maravilhosas.
Atacama III – Ô desertinho enjoado, sô!
Atacama IV – A lua em duas fases: no telescópio e ao vivo.
Atacama V – Lagunas espectaculares.
Atacama VI – Dia de ver e observar.

.

dcpv – nada a ver com nada. ou tudo a ver com tudo (pós-miami).

número 377
04/02/2014

Nada a ver com nada. Ou tudo a ver com tudo (Pós-Miami)

Estávamos voltando duma curta viagem pra Miami.

DSC00291

E a grande dificuldade seria fazer o corriqueiro, ou seja, utilizar o que foi comprado na viagem para criar o menu desta noite.

DSC00292

A menos que eu conseguisse bolar alguma coisa utilizando roupas, eletrônicos, etc. :)

DSC00304

O jeito foi dar uma boa olhada no freezer, na despensa e correr atrás do Santo Google à procura de receitas que tivessem um jeitão de verão, já que o calor por aqui está senegalesco.

DSC00314

Será que a coisa toda decola?

Entrada – Salada de peito de peru com molho agridoce.

Com esta “lua”, uma saladinha vai bem, né?

DSC00324

E pra preparar, basta fazer um molho com 2 colheres de sopa de suco de limão, 1 e ½ colher de vinagre, 1 e ½ de mel, ½ colher de chá de pimenta calabresa e 3 colheres de sopa de azeite, misturando bem com um fouet, até ficar homogêneo. Tempere com sal e pimenta.

DSC00317

Numa saladeira, misture cenoura cortada em tiras finas (use um descascador, de preferência comprado em Miami), rabanete também cortado no mesmo formato e alface.

DSC00296

Tempere com o molho e junte peito de peru fatiado e cortado em tiras. Finalize com amêndoas tostadas.

DSC00321

Ficou saborosíssimo.

DSC00325

Acompanhamos com um bianchetto argentino, o Q (favor não usar a forma portenha de falar!! rs) Zuccardi Chardonnay 2012 que foi “lemonado, guei, maestro, jaqueiro”.

DSC00323

Principal – Risotto de verão com costeletas de cordeiro.

Risotto (minha especialidade) já é bom. Imagine, de verão.

DSC00343

Pra fazer este, basta executar a sequencia normal …

DSC00330

… e colocar, na metade do tempo de cozimento, milho verde e pimentão vermelho cortados em cubinhos.

DSC00332

Finalize com manteiga e parmesão.

DSC00334

Enquanto isso, tempere as costeletas de cordeiro com alho, …

DSC00308

… ervas (gastronômicas!), sal e pimenta do reino.

DSC00313

Grelhe-as numa frigideira bem quente e com um pouco de azeite, uns 4 minutos de cada lado.

DSC00328

Prontíssimo! O prato ficou muito bom.

DSC00340

Tomamos (apesar do calor) um vinho tinto espanhol,  o Trempanillo Esencia de Fontana 2012, que caiu muito bem com a carne e que achamos “fauchon, … di Trevi, baunilha, zagueiro”.

DSC00348

Sobremesa – Sorvete de limão.

Este é diretamente proporcional. É tanto fácil de fazer, quanto gostoso.

DSC00294

Esta receita eu peguei do Vitor Hugo (do excelente blog PratoFundo) e basta você misturar no liquidificador 1 lata de leite condensado, 200ml de iogurte natural, 175ml de creme de leite fresco e o sumo de 3 limões Taiti.

DSC00293

Leve à sorveteira e … abraços. Foi uma verdadeira briga a provável repetição, já que a quantidade feita desta beleza não foi muito grande (e a parte da D Anina já estava separada).

DSC00356

Eis o que os cubanos acharam da noite:
Simples e saboroso. O sorvete foi de mil e uma noites. (Edu)
Comida maravilhosa, a melhor sobremesa da minha vida. (Mingão)
Espetáquila! O ice cream foi caso a parte; indescritível, delicioso, soberbo! (Deo)

DSC00326DSC00346

Bom, é isso.

DSC00353

Quem não tem cão, caça com Google.

DSC00338

E com este calor, de maiô! :)

DSC01537

Tchau.

.

dcpv – atacama vi – dia de ver e observar

26/03/2014

Atacama VI – Dia de ver e observar.

 

Tudo bem que estávamos até que com o preparo físico em dia. Mas a verdade é que estávamos próximos do “prego” total.

 DSC01388

Então, a melhor coisa foi escolher excursões contemplativas e aproveitar o nosso dia.

 DSC01357

Acordamos meia hora mais cedo, tomamos o nosso lauto café da manhã …

 DSC01353

… e zarpamos pra fazer o tour Yerba Buena – Rio Grande.

 DSC01391

Ele é descrito da seguinte maneira: duracion: 4 a 4,5 horas, 1 a 2 horas caminando.

 DSC01379

Itinerario: salida del hotel de Larache (45 minutos) por el camino a Calama, desviandonos para visitar los petroglifos de Yerba Buena. Luego, seguimos hasta llegar al pueblito de Rio Grande, uno dos mas autenticos de Atacama, donde recorremos las calles.

 DSC01362

E não é que andamos bem até chegar a Yerba Buena (vocês já saberão o porque do nome)?

DSC01382

Os petroglifos são bastantes interessantes e mostram, ou melhor, dão pistas, de como seria o mundo naquele tempo (estamos falando, em alguns casos, de 100000 anos atrás).

 DSC01361

E o nome do sítio tem a ver com a quantidade de alucinógenos que os indígenas tomavam rotineiramente.

 DSC01370

Daí o Yerba Buena (está é uma livre interpretação).

DSC01378

De lá, houve uma pequena (e substancial) mudança no roteiro original.

 DSC01392

Em vez de visitarmos o pueblito, fomos até o Vale do Arco-Íris.

 DSC01395

Que nada mais é do que o nome realmente sugere. São formações rochosas das mais variadas cores …

DSC01398

… e que deixam as enormes montanhas com tons de verde, …

DSC01414

… branco, …

DSC01407

… preto, …

DSC01401

… vinho …

DSC01405

… enfim, multi-colorido e interessante demais.

DSC01423

Este é um passeio não muito usual, mas que recomendamos.

DSC01427

Retornamos ao hotel, prontos pro almoço.

DSC01448

A Dé e eu optamos, como entrada, uma salada de mozzarella com tomates (esquecemos de tirar a foto).

DSC01450

Como principais, a Dé foi de Papardelle Thai …

DSC01451

… e eu, Filete com Cremoso de Mote.

DSC01453

Já as sobremesas foram Bizcocho de chocolate tibio (mais conhecido como Petit gateau ) …

DSC01460

… e eu, sorvete de baunilha (providencial, né?).

DSC01458

Tudo bom, como sempre.

DSC01461

Logo após, iríamos fazer o passeio Salar de Atacama (Laguna Chaxa).

DSC01481

Duracion: 3,5 horas, 30 minutos caminando.

DSC01479

Itinerario: saída do hotel en van hacia el pueblo de Toconao.

DSC01464

Despues de 25 minutos de exploração por el pueblo, seguimos hasta “La Reserva Nacional los Flamencos” en laguna Chaxa, donde esta ubicado o Salar de Atacama.

DSC01494

Alli la observacion de aves és sorpreendente.

DSC01512

Portanto, passamos mais uma vez pela grande metrópole Toconao (380 habitantes) …

DSC01468

… e rumamos pra laguna Chaxa (nada a ver com a Xuxa)…

DSC01516

… que fica bem no Salar do Atacama.

DSC01501

A idéia toda seria ver o máximo de flamingos possíveis.

DSC01499

E os vimos aos montes, …

DSC01489

… e nas mais diferentes poses.

DSC01508

Mas mesmo com estes bichos tão graciosos, …

DSC01481

… o destaque mesmo foi o por-do-sol.

DSC01519

Tiramos muitas …

DSC01535

… e espetaculares fotos.

DSC01526

Também, com esta iluminação …

DSC01538

… é covardia.

DSC01537

Retornamos tarde para o hotel, com tempo mínimo pra nós prepararmos pro jantar.

DSC01539

Que foi servido no formato escolha de 2 opções de entradas, 2 de principais e sobremesas.

DSC01543

Iniciamos com a Dé escolhendo uma sopa de tomates, …

DSC01544

… enquanto eu fui de Ceviche de atum.

DSC01546

Como principais, optamos, tanto eu como a Dé, por um bom risotto de frutos do mar.

DSC01548

E foi isso, pessoal.

DSC01542

Vamos lá que amanhã é dia de madrugar pra ver os géiseres.

DSC01580

Adiós.

Leia sobre os outros dias desta viagem:
Atacama I – A chegada e a primeira impressão de tudo.
Atacama II – O deserto em que se anda de bike, nada em lagoa salgada e vê cavernas maravilhosas.
Atacama III – Ô desertinho enjoado, sô!
Atacama IV – A lua em duas fases: no telescópio e ao vivo.
Atacama V – Lagunas espectaculares.

.

dcpv – atacama v – lagunas espectaculares

25/03/2014

Atacama V – Lagunas espectaculares.

 

Hoje seria dia do primeiro passeio fullday que faríamos.

DSC01168

Levantamos no mesmo horário de sempre, tomamos o nosso café da manhã …

 DSC01161

… e fomos nos aboletar na van que nos levaria para o tour das lagunas.

 DSC01163

A descrição do folheto do hotel é bastante interessante:

 DSC01207

Salares del altiplano (Altiplano Sur).

 DSC01181

Duracion: 7 a 8 horas, 1 hora caminhando.

 DSC01224

Itinerário: salida del hotel de Larache en van hacia parte Sur del altiplano (1 hora) que incluye el Salar de La Laguna Miscanti, Miñique,…

 DSC01212

… Águas Calientes y Laguna Tuyayito, ubicada a 3960 m sobre el nível del mar.

 DSC01236

Alli realizamos una caminata breve antes de un almuerzo picnic.

 DSC01187

Durante el regreso ao hotel en van (1 hora) pasamos directamente por el Altiplano, observando la flora y lá fauna.

 DSC01197

E aconteceu tudo isso e mais um pouco.

 DSC01210

Saímos no horário (9:00 hs) e descobrimos que seríamos só nós dois. Ou seja, o tour seria exclusivo.

 DSC01203

Partimos direto pra Toconao, um povoado pequeno e bastante interessante.

DSC01173

Vimos a praça principal, …

 DSC01167

… a igreja, …

DSC01172

… e o guia Richard nos brindou com uma caminhada por quintais de frutas típicas chilenas.

 DSC01177DSC01178

Retornamos ao carro e a próxima parada seria em Socaire, onde além da grande vista do Salar …

 DSC01195

… ainda tínhamos a possibilidade de usar banheiros limpíssimos.

DSC01288

Seguimos então no caminho pra conhecer as famosas lagunas altiplanas (todas elas ficam a aproximadamente 4000 m do nível do mar).

 DSC01216

As primeiras formam a famosa dupla Miñique e Miscanti.

DSC01229

Ambas tem águas claras …

DSC01228

… Miñique um pouco mais, …

 DSC01231

… mas, bonitas ao extremo.

 DSC01227

 De lá, rumamos pro Salar de Aguas Calientes.

DSC01239

Uau, que lugar!

DSC01242

Observamos vicunhas …

 DSC01254

… os primeiros flamingos …

 DSC01245

… que eram arredios, mas eram lindos …

 DSC01246

… e nos preparamos pro almoço, …

 DSC01258

… que foi servido no formato explora, um picnic de categoria, …

 DSC01260

… ou seja, em pleno campo e com tudo a ver com a paisagem.

 DSC01252

Quinoa, arroz primavera, …

 DSC01263

… petiscos, espetinhos de frutas, …

 DSC01269

… além do nosso indefectível vinho branco Sauvignon Blanc Chileno.

 DSC01265

Ainda demos uma estirada pra conhecer a Lagoa Tuyayto, que certamente é a nova Miñiques.

 DSC01283

Retornamos ao explora, com tempo de fazer um verdadeira happy hour na magnífica piscina …

 DSC01297

… que estava totalmente disponível só pra nós.

 DSC01302

Nada como ter uma massagem duma hidro após um dia cansativo, né? :)

 DSC01310

Ficamos um bom tempo saboreando o nosso Sauvignon Blanc e resolvemos tomar um banho, pra tirar a poeira e nos preparar pro jantar.

 DSC01318

Que constou de sopa de ervilhas (entrada da Dé) …

 DSC01325

… Tartellete de cebola e queijo de cabra (principal pra Dé e entrada pra mim) …

 DSC01328

… e stinco de cordeiro com batata e cebola assadas (principal pra mim) …

 DSC01332

… além dum ótimo e leve mil folhas pra nós dois.

DSC01333

E não é que ainda iríamos participar do tour pelo Observatório?

 DSC01320

Veja descrição do folheto do hotel:

 DSC01342

El cielo de Atacama és uno de los mas claros del planeta y por ello uno de los mejores lugares del mundo para hacer astronomia.

 DSC01351

Para aprovechar estas condiciones privilegiadas construimos e inauguramos a princípios de 2008 nuestro propio observatorio.

 DSC01348

E a experiência é verdadeiramente maravilhosa. Nada fotográfica, mas ver e saber sobre as características de outros planetas e galáxias é interessante demais.

 DSC01343

Saludos cordiales.

 

Leia sobre os outros dias desta viagem:
Atacama I – A chegada e a primeira impressão de tudo.
Atacama II – O deserto em que se anda de bike, nada em lagoa salgada e vê cavernas maravilhosas.
Atacama III – Ô desertinho enjoado, sô!
Atacama IV – A lua em duas fases: no telescópio e ao vivo.

.

dcpv – atacama iv – a lua em duas fases: no telescópio e ao vivo.

24/03/2014

Atacama IV –  A Lua em duas fases: no telescópio e ao vivo.

Hoje seria o dia de quebrarmos um mito da nossa casa.

DSC00995

Sabe que sempre ignoramos completamente os cavalos por onde passamos.

DSC01006

Mas desta vez achamos que seria diferente. Tínhamos tempo necessário pra fazer uma aula e aproveitar um passeio eqüino.

DSC01005

Iniciamos o dia tomando um bom café da manhã e zarpando pro que seria o nosso primeiro contato com estes bichos maravilhosos.

DSC01004

E a coisa degringolou: iniciamos a aula e tudo parecia ir muito bem.

DSC01008

Com a devida exceção que os cavalos eram imensos e eu e a Dé encontramos sérias dificuldades em manejá-los.

DSC01013

Resultado? Passeio cancelado e a opção foi conhecer o vilarejo de San Pedro de Atacama.

DSC01019

Olha, até que saímos no lucro já que o povoado (são apenas 8000 habitantes) é bem bonitinho, parece uma Búzios chilena …

DSC01021

… e, inclusive, aproveitamos pra conhecer a história de San Pedro de Atacama…

DSC01023

… através do interessante Museo Gulherme La Paige.

DSC01029

Fizemos algumas comprinhas (impossível não fazê-las) e …

DSC01025

… voltamos ao hotel pra fazer uma lunch happy hour e …

DSC01033

… almoço.

DSC01037

Que foi servido no formato usual, ou seja, escolhemos a entrada Ceviche de Salmon y três Aji.

DSC01049

Como principal, a Dé foi de Aji con Gallina e arroz, …

DSC01053

… e eu, Lomo Saltado com Tacu-Tacu.

DSC01054

Tudo muito bom e acompanhado do nosso indefectível Sauvignon Blanc.

DSC01040

Já o passeio da tarde seria o Kamur. Eis a descrição do folheto do hotel:

DSC01064

Duracion: 2,5 a 3 horas, 2 a 2,5 horas caminando.

DSC01072

Recorrido a pie: 6,6 km.

DSC01067

Itinerario: salida del hotel de Larache en van hacia el Valle de la Luna (30 min).

DSC01070

La caminata sigue por el valle donde és possible apreciar las variaciones de la luz solar y los paisages espectaculares de la Cordillera de la Sal.

DSC01073

Antes de mais nada, vou corrigir uma informação.

DSC01084

São 8 km e não 6,6 km conforme anunciado. rs E todos eles foram espetaculares (e pareciam cansativos, se não fosse a preparação da Ju).

DSC01083

Tivemos várias visões do Vale da Lua (dizem que a Nasa fez experimentos por aqui) …

DSC01101

… e com um tremendo upgrade, a iluminação do cair da tarde …

DSC01119

… que mais tarde se transformaria num bonito (mais um) por-do-sol.

DSC01121

Vejam algumas fotos deste passeio imperdível:

DSC01068

DSC01069

DSC01074

DSC01078

DSC01088

DSC01095

DSC01100

DSC01120

DSC01132

DSC01133

DSC01134

Voltamos ao hotel, jantamos frugal e rapidamente …

DSC01151

… Tabule de quinoa pra nós dois,  …

DSC01149

… Gnocchi ao molho de cogumelos pra Dé, …

DSC01154

… Pescada a Provençal com batatas e cogumelos assados pra mim …

DSC01152

… e creme Brulée pra nós dois.

DSC01157

Tínhamos marcado pra conhecer o Observatório a noite. E o que é isto?

DSC01146

É simplesmente ter informações sobre o céu do Atacama e melhor, observar através dum super-telescópio tudo aquilo que foi informado.

DSC01158

E aconteceu o inexplicável de Almeida: a guia veio nos perguntar se podíamos fazer este passeio na noite de amanhã já que tinha acontecido um acidente a tarde e um garoto tinha caído do cavalo!

DSC01185

Seria uma mensagem subliminar? :)

Leia sobre os outros dias desta viagem:
Atacama I – A chegada e a primeira impressão de tudo.
Atacama II – O deserto em que se anda de bike, nada em lagoa salgada e vê cavernas maravilhosas.
Atacama III – Ô desertinho enjoado, sô!

 

.

 

 

dcpv – atacama III – ô desertinho enjoado, sô!

24/03/2014

Atacama III – Ô desertinho enjoado, sô!

Mais um dia esplêndido no deserto do Atacama.

DSC00826

Tudo bem que quase não chove por aqui, mas o sol é abrasador e se você bobear e não se proteger, corre o risco de ficar muito vermelho e comprometer a sua viagem.

DSC00879

Saímos do hotel as 9:00hs pra encarar uma caminhada tranqüila de pouco mais de 3 km.

DSC00830

Era isto o que o menu descrevia:

DSC00846

Guatin – Punta del Inca

DSC00837

Duracion: 3 a 3,5 horas, 2 a 2,5 horas caminando.

DSC00832

Recorrido a pie: 3,6 km.

DSC00856

Itinerario: salida del Hotel de Larache en van por el camino ao pueblo de Guatin y la confluencia del rio Puritama y Purifica (35 minutos).

DSC00855

La mayoria de la caminata pasa por un jardin de Cardon y Opuncias.

DSC00839

La caminata sigue el rio por un cañon cruzándolo algumas veces antes de bajar por dos cascadas secas.

DSC00870

Finalmente saliendo del cañon, disfrutamos de vistas panoramicas espectaculares a Atacama.

DSC00880

Bom, isso tudo é verdade.

DSC00854

As únicas coisas que não nos informaram é que as cascatas não estavam secas …

DSC00847

… e que tinham algumas escaladas bastantes emocionantes (pra ter uma idéia, parecíamos verdadeiros Indiana Jones).

DSC00876

Enfim, o passeio é pra quem tem um nível físico bom (gracias, Juliana) …

DSC00868

… e é excelente.

DSC00867

Ah! No total se anda 5 km de pura emoção.

DSC00878

Voltamos pro hotel …

DSC00882

… a tempo de tomarmos umas taças dum Sauvignon Blanc da casa, escolhermos os passeios de amanhã e …

DSC00883

… almoço.

DSC00886

Frugal, como sempre.

DSC00887

A Dé tomou um Gazpacho …

DSC00889

… e eu, misturei mar com terra, ou seja, Porotos tíbios con camarones (feijões brancos com camarões).

DSC00891

Como principais, pra Dé um Risotto de tomates …

DSC00900

… e pra mim, Atun con puré de habas.

DSC00898

Como sobremesas, e respectivamente, uma torta de chocolate com canela …

DSC00903

… e torta de maçã.

DSC00905

Tudo muito bom (como sempre).

DSC00908

O passeio da tarde seria pras Cornisas.

DSC00910

Duracion: 2,5 a 3 horas.

DSC00914

Recorrido a pie: 3,5 km.

DSC00921

Itinerário: saída del hotel de Larache en van hacia el Llano de la Paciencia (20 min).

DSC00916

Caminata por las cornisas de la Cordillera de la Sal, apreciando vistas panorámicas al Oásis de San Pedro, Salar de Atacama y la Cordillera de los Andes. La exploración termina en las dunas del Valle de la Muerte.

DSC00919

E as cinco da tarde estávamos no lobby do hotel aguardando a saída do nosso passeio vespertino.

DSC00915

Ficamos contentes porque o guia seria o mesmo da manhã, o brazuca/chileno João.

DSC00937

E mais contentes ainda por sermos o grupo.

DSC00917

Foi um passeio mágico.

DSC00926

Tivemos vistas maravilhosas da Cordilheira do Sal …

DSC00923

… e a surpresa maior foi descermos uma duna imensa …

DSC00941

… além de termos o vale todo só pra nós.

DSC00952

Isto é o que podemos chamar de meditação transcendental.

DSC00939

E veja do que nós escapamos!

DSC00958

Retornamos felizes ao hotel, tomamos mais uma taça do já famoso Sauvignon Blanc, …

DSC00960

… vimos mais um belíssimo por-do-sol (não parece a Table Mountain?) …

DSC00963

… babamos na piscina (juro que vamos passar uma tardinha por aqui) …

DSC00966

… e voltamos ao quarto pra descarregar a areia que estava dentro dos nossos sapatos.

DSC00950

Banho rápido e jantar.

DSC00972

Que veio em forma de salada mista pra Dé (como são crocantes os legumes daqui) …

DSC00980

… e de Carpaccio Japonês pra mim.

DSC00982

Já nos principais, a Dé optou (e bem) por Fetuccini negro com calamares y pulpo …

DSC00984

… e eu, Chuleta de Cordero com Ratatouille y Papas al Romero.

DSC00987

Ah! As sobremesas foram sorvete de doce de leite …

DSC00991

… e Flan de Caramelo (com furinhos e tudo o mais).

DSC00993

Tudo excelente e no padrão do explora.

DSC00988

Só nos restou voltar pro quarto, observar um dos céus mais lindos e claros que já vimos na vida e dormir o sono dos justos.

DSC01002

Até amanhã, onde quebraremos um mito (espero!).

DSC00999

Leia sobre os outros dias desta viagem:
Atacama I – A chegada e a primeira impressão de tudo.
Atacama II – O deserto em que se anda de bike, nada em lagoa salgada e vê cavernas maravilhosas.

.

 

dcpv – atacama II – o deserto em que se anda de bike, nada em lagoa salgada e vê cavernas maravilhosas.

23/03/2014

Atacama II – O deserto em que se anda de bike, nada em lagoa salgada e vê cavernas maravilhosas.

Começamos o dia no melhor formato.

DSC00635

Ou seja, com muito sol e um excelente café da manhã.

DSC00637DSC00638

E pra fazermos a adaptação a altitude, resolvemos (aqui é assim, dentro de um menu de passeios, você opta por um deles) andar de bike.

DSC00634

Não foi uma simples andadinha, não.

DSC00653

Foram 18 km vendo paisagens bacanas, …

DSC00647

… inóspitas, …

DSC00649

… diferentes do que se imagina um deserto propriamente dito.

DSC00658

Éramos em 6 hóspedes sendo guiados pelo Luiz, um experiente ciclista.

DSC00656

O sol estava escaldante, mas incrivelmente, você só sente a sua força quando está parado.

DSC00651

E foi o que aconteceu quando chegamos a lagoa salgada, a Laguna Cejar.

DSC00668

Lá a equipe do explora montou todo o cenário, onde constavam cadeiras para apreciar a paisagem, …

DSC00669

… comidinhas gostosas, …

DSC00670

… bebidas refrescantes,…

DSC00671

… tudo o que se imagina dum verdadeiro oásis.

DSC00676

Ainda tivemos como upgrade, um banho de lagoa muito interessante …

DSC00688

… em que a particularidade foi ficar flutuando naturalmente (note-se que a lagoa é extremamente salgada).

DSC00674

Sabe o Mar Morto?

DSC00698

Pois é o mesmo princípio.

DSC00697

Voltamos ao hotel e fomos almoçar.

DSC00702

O esquema é sempre o mesmo.

DSC00706

Você escolhe entre duas opções de entradas e duas de principais, além de algumas sobremesas.

DSC00712

Como entrada, eu e a Dé fomos de Ensalada de ostiones (as famosas vieiras) y camarones.

DSC00707

Tomamos um Sauvignon Blanc chileno muito bom.

DSC00714

Já nos principais, a Dé escolheu um Pastel de Choclo …

DSC00715

… e eu, por incrível que pareça, me dei bem com um Salmon con crosta de frutos secos e puré de arveja.

DSC00718

Ambos excelentes.

DSC00711

Como sobremesas, sorvete de café …

DSC00725

… e torta de limão.

DSC00722

Depois deste regabofes, fomos dar uma descansada (o sol estava a pino) porque a caminhada da tarde prometia.

DSC00726

E melhor, seria num trajeto pouco usual.

DSC00727

Este passeio é chamado de Kari.

DSC00729

Esta é a descrição dele: duracion: 2,5 a 3 horas, 2 a 2,5 horas caminhando.

DSC00728

Recorrido a pie: 5,5 km.

DSC00733

Itinerário: saída del hotel de Larache en van por camino hacia Calama.

DSC00734

Caminata por la quebrada de Kari, un cañon pequeño formado por erosion acuática y rodeado de muros gigantes de sal.

DSC00749

Saímos com uma vista incrível do Vale da Lua e caminhamos muito até descer pro Vale do Sal, …

DSC00730

… onde acompanhamos o leito seco dum rio e as imagens são espetaculares.

DSC00755

Vale o fotoblog:

DSC00751

DSC00753

DSC00754

DSC00747

DSC00776

DSC00779

Note que estas bolas são totalmente feitas de sal …

DSC00790

… e que nós divertimos muito ao ver como a natureza é perfeita …

DSC00782

… além da sensação que ela, nestes lugares, te coloca no teu devido lugar.

DSC00791

Terminamos o passeio no Vale da Morte (todos estavam bem perto disso! rs).

DSC00802

Voltamos ao hotel, fizemos uma pequena happy hour (onde escolhemos os passeios de amanhã) …

DSC00807

… e estávamos prontos pro jantar.

DSC00811

Que foi composto dos seguintes pratos: entrada: roll de pepino (pra mim e pra Dé) …

DSC00816

-principais: Ravioli de queijo de cabra com manteiga de tomilho pra Dé …

DSC00817

… e pra mim (numa ligeira homenagem aos sócios) confit de coxa de pato com batatas douphinois.

DSC00820

Ambos muito bons.

DSC00812

Continuamos tomando o Sauvignon Blanc do almoço e pedimos uma razoável Panacotta com calda vermelha como sobremesa.

DSC00822

Pronto! Mais um dia de lerê em pleno deserto de Atacama e a idéia é descansar porque amanhã o bicho pega de novo.

DSC00839

Saudações cordiales.

Acompanhe o primeiro dia desta viagem:
Atacama I – A chegada e a primeira impressão de tudo.

.

 


É só inserir o seu email, clicar no botão "Seguir" e a cada novo post publicado aqui, você receberá uma mensagem com o link. É fácil, qualquer criança brinca, qualquer criança se diverte! :)

Junte-se a 445 outros seguidores

Blog Stats

  • 1,083,691 hits
setembro 2014
S T Q Q S S D
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

Atualizações Twitter


Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 445 outros seguidores