Arquivo para agosto \12\UTC 2008



toronto – RAIN

unbelievable                                                             17/07/08

                                 Toronto – RAIN

Eu sempre fui fã do programa Made to Order ( ridiculamente traduzido por “A Minuta”) do canal 57 da Sky, o Travel&Living.

Nele, os irmãos Rubino, Michael e Guy, preparam menus super-diferentes e  sempre com algum motivo especial : a visita da própria família, um noivado em que o noivo quer entregar o anel dentro da comida, um evento filantrópico, uma comparação de carnes de caça e de cativeiro e assim por diante ! E tudo isso, no restaurante deles, o Rain !

Na verdade, o Michael é o sommelier e administrador. Já o Guy é o chefe que cria e prepara todos os pratos. O restaurante é muito bonito e tem um ambiente muito agradável com uma arquitetura que privilegia a modernidade e a iluminação diferenciadas .

Pois bem : como estávamos indo pra Toronto, reservei por e-mail um mês antes de ir  e pra variar, deu tudo certo ( quando será que teremos este milagre por aqui? ). Ficamos (eu, a Dé e a Re) na expectativa de saber realmente se o programa é gravado no restaurante e mais importante : se os irmãos atuam realmente por lá ou se tudo seria “fake”.

Chegamos no horário ( 21:00 hs) e ao entrarmos, a recepcionista perguntou se éramos do Brasil. Confirmei e ela nos colocou numa mesa estrategicamente posicionada onde tínhamos uma visão completa  da cozinha.

Logo de cara fui pedindo um vinho Sul-Africano e não é que o próprio Michael veio conversar comigo e me convenceu que o Sancerre seria um vinho mais adequado ao que iríamos pedir. É claro que eu concordei !!

                  

E aí começou efetivamente o show pois nos sentimos como se estivéssemos num dos episódios do Made to Order : o Guy  (é, ele também estava lá ) estava cozinhando praticamente na nossa frente.

Começamos, além do vinho, pedindo um Cosmo pra Re :

                  

Segundo a Re e parodiando o Mingão, o melhor que ela tomou na vida dela !

Só pra esclarecer, o menu traz 9 sugestões de entradas e 9 de principais. Todos os pratos vem em porções pra serem divididas entre os partcipantes da mesa e assim, resolvemos pedir 3 entradas e 3 principais pois certamente  teríamos um menu degustação . E foi o que fizemos pois além de tudo, o Guy manda os pratos na ordem em que estão prontos,  tanto faz serem entradas ou principais. Coisa de gênio “genioso” ! 

Pela ordem, chegaram :

Um Shanghai Bok Choy – uma mistura de sésame, cucumber aloe vera e chinese XO. Um espetáculo de entrada que a Dé pediu ! ( Desculpem a qualidade de algumas fotos pois estava bastante escuro mas a curiosidade pelo que vimos/comemos lá não me impediu de postar mesmo assim !)

Um  Steamed Dugeness Crab Dumpling – com sakura mayonnaise, green apple relish & crab snow. Outra entrada que a Re pediu e que não sobrou nada pra contar a história.

Pela ordem maluca do Guy, chegou o meu prato principal, um Coconut Curry & Madai Snapper Three Ways ( esses three ways definem quando o Guy utiliza o ingrediente principal de 3 maneiras diferentes) feito com steamed roll, kalamnsi ‘roll’ & citrus cure. Olha estou colocando tudo em inglês porque conheço algumas coisas mas outras, eu nunca ouvi falar ! Mas que era gostoso, ah, isso era ! Ainda mais com esta quantidade toda de espumas, cascas, coisas raladas e molhos !!

Aí chegou o principal da Dé, Alaskan Black Cod Three Ways (este todo mundo conhece) com cedar & bamboo roast, cod ‘noodles’ in mentaiko. Muito bonito e mais gostoso ainda. Repare no pau de canela com um belo molho de tomate e imagine o gosto que o conjunto forma dentro da boca. Huuuummmmmmm!

Pra finalizar os principais, o da Re : Squab, Almond & Cherries Three Ways – confit, cherry smoked and lacquered breast, pate & wafers. Este merece um parentesis : pra variar, não conseguíamos achar um prato principal pra Re. Acabamos escolhendo e estava uma delícia. Carne macia, tenra e saborosa. Só fomos descobrir muito tempo depois que Squab é um tipo de … pombo . Detalhe : a Re odeia pombo !! O que voa no meio da rua, é claro, pois este Squab deu um bom caldo !

Finalmente, veio a minha entrada acompanhada de um brinde . A entrada foi Kimchee Tasting – oyster & seasonal pickle, spicy carrot froth – uma delícia. Pelo visto, acabei virando o rei das espumas. 

E um brinde. Uma outra entrada : Japanese Pickled Asparagus com asparagus tofu, soymilk froth. Foi a mais fraquinha da noite mas como era de graça ….

Ufa ! Ainda tínhamos as sobremesas que não dispensamos, é óbvio !

Decidimos dividir duas :

Japanese Flavours in Variations of Chocolate – miso caramel & yuzu, green tea & banana, pear & sake lees, wasabi & green grape e ….

                  

…. Trio of Apricots com vermicelli pudding & cardamom wafers, crunchy masala custard & apricot sorbet, composed salad & yogurt honey. Sobremesas excelentes e que as especialistas, a Dé e a Re, aprovaram !

 Observe-se que tudo esteve absolutamente perfeito com texturas, combinações, sabores e formatações inigualáveis.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Ainda tivemos direito a conhecer a cozinha, conversar com o Guy que nos disse que quase veio cozinhar em São Paulo num festival asiático  e que achou a cidade bastante interessante pois pesquisou sobre ela. Frisou que a Re era muito bonita e eu já pensei : mais um bom partido pra ela, rsrsrs. Tô começando a gostar da idéia de ter um chef deste nível como genro !! Se bem que ele não é muito bonitão, né ?

E acreditem : ele acabou de conversar conosco, tirou fotos e foi embora ! Coincidência ou não, nos sentimos como se ele tivesse ido até lá só pra cozinhar pra nós, os brasileiros ! ( ô, pretensão !!)

           

Delicadezas à parte, a comida é espetacular e as idéias de apresentação dos pratos são sensacionais. Um lugar pra ir e gostar ! Também, a missão dos irmãos Rubino é fazer ” de cada refeição, uma nova experiência e um novo aprendizado “. No nosso caso, esta missão foi totalmente cumprida !

E tudo isto numa cidade como Toronto, onde o moderno se mistura facilmente com o tradicional. 

Bye !

 

.

Anúncios

dcpv – thai + pãozinho = good, very !

número 105                                                                     15/03/06

                             Thai + pãozinho = good, very !

Introdução – Noite de chuva, mas ainda agradável; não calor, não frio ! Tô sem saco pra escrever ! Tô com fome, jejum forçado, rs !
Vamos pra bóia !

Bebida

Daiquiri (by Mingão)

Vinhos

Eu tenho certeza que nós os tomamos. Mas também tenho certeza que não os marquei !

MENU

Entrada – Sopa de tomate e pimentão vermelho com manjericão socado e óleo de oliva. ( J Oliver – pag 22)

Principal – Oriental Express com cebola, bacon e alecrim.

Sobremesa – Bolinho de chocolate branco com centro mole. (Gula – Março/06)

Observações finais

Comida buoníssima. Cebola excelente ! Sobremesa sublime ! (Eduardo)

Golden Onions! Clean maravilhoso! Repetir sem constrangimentos ! (Deo) 

Comida maravilhosa !!! Ninho divino ! Sobremesa perfeita !!! Nada mais a dizer . (Mingão)

  

Fotos de Ottawa. A de lá de cima é do Parlamento e ele fica ao lado do hotel que nós ficamos, o Chateau Laurier. E as acima, são do ByWard Market, um mercado com frutas, legumes e flores (ah! as flores) de primeiríssima qualidade e onde compramos as frutas, pra nos abastecer de cerejas, amoras framboesas por um bom período da viagem. É um bom lugar pra tomar um belo café da manhã !    

Explicação – Este bolinho de chocolate branco com centro mole na verdade era um … petit gateau. E ficou muito bom. Agora o que seria um Orient Express ? Aceito sugestões !!! E o que significa este título ?

A HORA DA ESPECIARIA

Papoula – Suas sementes são  maduras  e não tem poder narcótico ( portanto, não dão “barato”!). Ao contrário, são ótimas pra condimentar saladas, massas amanteigadas, pães, bagels, bolos, biscoitos, compotas e patês. Na Índia é usada para engrossar sopas e dar um sabor especial ao curry.

Eu vou guardar as minhas num cofre, pois saiu na Folha ontem que as importações estão “praticamente” proibidas. Portanto, use as suas com muita parcimônia ! 

.

Gastro Pop Indiano com a Meeta Ravindra- não fomos mas adoramos !!

carlotiano                                                                                      26/07/08

     Gastro Pop Indiano com a Meeta Ravindra – não fomos mas adoramos  !! 

Quem passa por aqui sabe que nós ( eu e a Dé) somos clientes cativos dos Gastro Pop produzidos pela dupla Carla Pernambuco e Carolina Brandão lá no Studio 768. Não tínhamos perdido nenhum até agora : o do Carlos Siffert, o do Edinho Engel, o do Marcos Sodré e o da Ana Bueno.

Pois bem, não tínhamos ! Coincidentemente, este Indiano com a Meeta Ravindra aconteceu justamente no dia 26/07 quando estávamos em Chicago no final das nossas férias que começaram na Costa Leste do Canadá. Mais precisamente, comendo (inclusive o cardápio!) no Moto do chefe Homaru Cantu. Mas isto é assunto pra outro post.

Voltando ao Gastro Pop, quem conhece e gosta de comida Indiana, também conhece e gosta da Meeta Ravindra pois ela é uma autoridade na cultura hindu. “Cada menu dela leva em consideração o valor nutritivo de uma refeição, as propriedades ayurvédicas (medicinais) dos ingredientes e uma perfeita combinação pra satisfazer os mais diferentes paladares ” . Palavras da Carla.

E como é que eu sei que foi bom se não comparecemos ao evento ?

Primeira pista – Convenci a Carla a me mandar o livreto com o texto explicativo e as receitas. Afinal de contas, somos membros honorários dos Gastro Pop com direito a cartão Platinum e tudo o mais.

            

Segunda pista – Convenci a Carolina a me enviar as fotos que ela tirou e que por sinal, ficaram muito boas.

Terceira pista – O próprio texto que o Eduardo Logullo redigiu e que começa assim: “Índia. Pontos de exclamação. Falamos da nação que permanece como um dos principais fluxos de referência da humanidade. De lá viemos nós, os arianos, de lá brotou o budismo, de lá o Ocidente passou a compreender a grandeza cultural do continente asiático, de lá os europeus atingiram a China, de lá o paladar do planeta alcançou outros contornos gustativos”.

E termina assim : ” Para encerrar, uma ode ao animal mais importante da Índia : a vaca. Este pacífico mamífero está no panteão das divindades do país também como principal reserva de proteína animal e de energia. Como assim ? Desse jeito: por não matarem as vacas, existe produção farta de iogurte e queijo além da produção natural do esterco usado para acender os fogareiros, comuns nas áreas rurais. A vaca está protegida por quase trinta divindades espalhadas nos diversos pontos do ruminante. Por exemplo: as tetas onde jorram o leite são cuidadas por Amirthabagaram. A deusa das tetas deve ser, portanto, a protetora dos doces e pudins, das tortas e dos crepes, das rasgulhas, dos gulab jamuns e das jalebi. E os preparados de iogurte, os lassi ? Melhor parar por aqui. Ou então se deixar levar pelos aromas indianos que pairam sobre tudo, sobre esta sala, sobre você e sobre o mundo”. 

 Quarta pista – As receitas que a grande mestra Meeta Ravindra preparou :

Entradas

Dahi Vara : bolinho de feijão Urad (indiano) com yogurte condimentado acompanhado de Imli Chutney (chutney de tamarindo com tâmaras) e Hara Dhaniya Pudina Chutney ( chutney de coentro e hortelã)

            

Pratos principais

Pulao – Arroz Basmati ( o queridinho daqui de casa) com cravo, canela em pau, louro e ghee

Mattar com Toovar Dal – ensopado de ervilha seca e ervilha indiana com condimento

              

Aloo Sabzi – batata refogada com ervilha fresca, castanha de caju, uva passa, ghee e condimentos

Tandoori Chicken – frango ao forno temperado com yogurte e condimentos

            

Chapati – pão indiano preparado na chapa e assado sobre a chama do fogo

Sobremesa

Gulab Jamun – bolinho de leite em pó com cardamomo e embebido em calda de rosas.

Resultado : Não estivemos fisicamente lá mas com todas esta informações, certamente fomos alimentados espiritualmente por esta celebração ! Portanto, não fomos mas adoramos !

E a julgar pela foto abaixo da Carolina e do Carlos, a diversão foi garantida !

Namasté !!

PS – Teremos um Gastro Pop Japonês com a Mari Hirata no próximo 20/08. Já reservamos !  

.

ny-kittichai: um thai de responsa !

namploso                                                                        23/06/08

                      Kittichai – Um Thai de Responsa

Mais um restaurante em NY. E desta vez fomos numa dica da Carla do Carlota.
Um restaurante com uma decoração linda e com  comida thai (das nossas preferidas) excelente. O Kittichai  fica no SoHo ( 60, Thompson St ) e os seus sócios, em 2004, trouxeram pra NY uma “cozinha thai de primeiro mundo” com um ambiente agradável e com detalhes de feng shui. Imperdível !

Começamos pedindo um chá gelado com lemmongrass (pra Re) e dois copos dum Pinot Grigio (pra mim e pra Dé).

               

A Re pediu uma salada de frango, salmão e prosciutto. Um belo ítalo-thai com muito sabor e um temperinho delicioso. Viva o nam pla. 

A Dé foi de Minestrone Thai, mais uma mistura ítalo-thai muito boa ! Família italiana vai a restaurante thai e pede minestrone !!!

 

E eu fui de chicken no wok com geléia de pimenta. Meus fracos : comida thai, wok e pimenta. Além da Dé, é claro !

Dá uma olhadinha no ambiente e vê se não é realmente um lugar pra aguçar as papilas gustativas. 

   

Pro principal, escolhi um salmão com bacon, molho de gengibre e macarrão cabelo de anjo. Olha, o prato é tão bonito quanto gostoso !

A Dé foi vegetais no Wok. Tudo natural: tofu, quiabo, cogumelo, pimentão. Tudo o que a Dé queria !

Mais um detalhezinho de como as flores ficam penduradas no ar e te dão a tranquilidade necessária pra encarar a sobremesa … 

           

… que foi um belo sorvete de gengibre, pra limpar o paladar. 

E pra quem tá curioso em saber os preços, a conta foi de U$ 120,84 (fora a tp, é claro!)i para 3 pessoas, por sinal bem razoáveis devido a qualidade da comida e do ambiente.

Sinta mais um pouco como é a ambientação do espaço. Lindo ! 

E tudo isso em pleno SoHo, onde caminhar e entrar nas lojinhas ( e lojonas) é um grande prazer !

Resumo final : um lugar pra ir mesmo pois além de não ser muito caro ( é mais barato que o América!!), é uma viagem dentro da viagem. Você relaxa mais ainda ao ver tudo tão bonito e harmonizado !

Até !

 

.

DCPV – quarta feira de cinzas, mesmo

número 104                                                                                01/03/06

          

                          Quarta Feira de Cinzas, mesmo.

Introdução – A mão que afaga, também bate!
                      O beijo que ama, também trai!
                      O abraço que enternece, também imobiliza!
                      O olhar que seduz, também fulmina !
Vamos as alegrias das quartas feiras que não são de cinzas !

Bebida

Absolut Snow – Absolut Vanilia, Amaretto e Leite – delicioso.

Vinhos

Tinto Campo Sanz Espanha
Branco Ramos Pinto Porto

MENU

Entrada – Sopa Fria de Cenoura ao Curry

Principal – Macarrone com molho de tomate com alho e manjericão

Sobremesa – Abacaxi grelhado com Grand Marnier

Opinião dos Confrades

Comida correta e excelente. Uma comfort food ! (Eduardo)

Entrada perfeita ! Vou repetir em casa ! (Mingão)

Bão ! Singela homenagem ao simples, simplesmente ! (Déo)

Fotos fresquinhas da viagem pra Costa Leste do Canadá : a lá de cima, é pra mostrar um contraste moderno/antigo que é muito constante em Toronto. Neste caso, ela foi tirada da praça da Prefeitura e a acima, dum parque muito lindo, o Toronto Music Gardens (dê uma passadinha no site. Vale a pena !!)  e com uma idéia de concepção genial: todo o projeto teve a consultoria do Yo-Yo Ma, um grande violoncelista que relacionou toda a vegetação com a Bach’s first suite. Um espetáculo, ainda mais com a visão da marina e do lago.

Observações finais  – Tudo tão simples mas, tão simples e gostoso que me fez lembrar a comida que a mamãe Anina faz. E, não é que eu já estava com saudade de postar sobre as nossas antigas reuniões. Esta por exemplo é de março de 2006 !!!

A Hora da Especiaria

Kummel  – Da família da salsa, tem sementes pequenas e dá um sabor único e adocicado ao pão de trigo. Muito aromático, vai bem em carnes gordas, de pato e de ganso, assados de carneiro, sopas de legumes, aves, peixes, cogumelos, queijos, biscoitos e bolos. Realmente, prum aperitivo muito bom, basta cortar uns queijinhos e jogar sementes de kummel ! Saboroso !!

 

.


É só inserir o seu email, clicar no botão "Seguir" e a cada novo post publicado aqui, você receberá uma mensagem com o link. É fácil, qualquer criança brinca, qualquer criança se diverte! :)

Junte-se a 663 outros seguidores

Comentários

Blog Stats

  • 1.413.035 hits
agosto 2008
S T Q Q S S D
« jul   set »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Arquivos

Atualizações Twitter

Anúncios