dcpv – na rota das especiarias

número 213                                                                     22/04/09

                                  Na rota das especiarias

A Dé assina a  Claúdia! A revista Claúdia, aquela que a mulherada normalmente adora ( só o  número de asssinantes  já corrobora o que eu estou dizendo).

dsc07556-2

E vou confessar: também gosto muito. Folheio, pesco algumas dicas de viagens/restaurantes e aproveito pra me inteirar do que está acontecendo no universo “mulheral”. Afinal de contas, exceto o Degas aqui, todo mundo em casa é do sexo feminino : a Dé,  a Re e até a Tiro e a Octo (estas duas últimas personagens são as nossas cachorras).

dsc07618-2

Ah! Tem mais uma coisa que me incentiva a ler a Claúdia: o encarte Claúdia Comida&Bebida. Além de bastante informativo, normalmente traz receitas bastantes interessantes.

                          dsc07558-2

Nesta última edição ( abril/09), achei uma matéria denominada “Na rota das especiarias” onde a Fabiana Badra Eid escreve um texto muito bacana sobre a importância das especiarias em toda a História do Mundo e com muitos fatos curiosos.

               dsc07528-21

Por exemplo que “originalmente, as especiarias eram empregadas no preparo de medicamentos e disfarçavam o sabor azedo dos alimentos“.

dsc07617-2

Ou ” elas já foram usadas como moeda de troca“. Ou ainda ” por meio das rotas das caravanas, sairam do Oriente e singraram mares até chegarem ao continente europeu, onde durante toda a Idade Média foram símbolo de riqueza“.

            dsc07524-2

Portanto, com esse clima propício e as receitas criadas pela Fabiana, estava tudo pronto pra Noite das Especiarias no DCPV.

dsc07530-2

Vamos lá : Claúdia Comida&Bebida ou melhor DCPV Comida&Bebida.

Bebidinhas

Caipiroska de lima-da-Pérsia, aniz estrelado e Absolut Vanilia e…

dsc07536-2

caipirinha de lima-da-Pérsia, noz moscada e cachaça.

                            dsc07538-2

Anis estrelado, noz moscada e a focaccia da Patrícia: começou o caminho das Índias !

dsc07543-2

$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$
Jamais se deve comprar grandes quantidades de tempero pois com o tempo, ele perde o aroma e o sabor.
$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$

dsc07512-2

                          dsc07514-2

Entrada Bolinho de Batata com Cominho e Vinagrete  de Tomate e Coentro

É quase uma tortilla. Na verdade, são bolinhos formados por purê de batatas, cebolinha verde picada, cominho moído, coentro fresco, sal e pimenta do reino refogados e levados pra gelar por pelo menos uma hora.Aí é só formar bolinhos achatados e reservar.

dsc07562-2

Faça uma mistura com açafrão-da-terra (cúrcuma), cominho em pó e pão de forma esfarelado. Pronto! Passe os bolinhos num ovo batido,  pela mistura de pão e frite-os por 3 minutos de cada lado.

             dsc07579-2

Uma delícia e ainda mais acompanhado de um vinagrete composto de tomate cortado em cubinhos, cebola roxa picada, suco de limão, azeite, pimenta dedo-de-moça, coentro fresco e sal.

dsc07571-21

Um verdadeiro sabor do Oriente.

dsc07574-2

Foi escoltado por um Clarete Espanha ( a última garrafa do meu estoque) que se mostrou “delicado, tísico, maleitoso, levíssimo“, segundo os Américos Vespúcios, nós mesmos.

dsc07582-2

$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$
O ideal é dar preferência aos condimentos moídos na hora, em moedor ou pilão, para que as especiarias soltem o aroma aos poucos durante o cozimento.
$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$      

                   dsc07515-2

dsc07516-2

Principal Peito de Frango Grelhado com Molho de Açafrão, Frutas Secas e Amêndoas

Receita simples e saborosa. Se bem que saboroso é um adjetivo que obrigatoriamente acompanha qualquer especiaria.
Os filés são temperados com sal, pimenta e dourados numa frigideira.

dsc07564-2

Reserve-os e na mesma frigideira, refogue cebola e alho picados. Junte tomate pelado (em lata) e cozinhe. Acrescente o frango reservado, alguns pistilos de açafrão, pau de canela e deixe cozinhar por uns 15 minutos.

dsc07598-2

Em outra frigideira, aqueça azeite e refogue rapidamente damasco seco, uva passa e tempere com suco de limão.

dsc07565-2

Aproveite e faça um arroz basmati com cardamomo.

dsc07586-2

Monte o prato com o frango, o molho de frutas secas, lâminas de amêndoas tostadas, salsinha e um berço aconchegante de Basmati.

dsc07596-2

É quase um frasco de perfume ( e dos bons) em forma de comida. Verdadeiramente fragrante!

dsc07590-2

Foi escoltado por um belo e cheiroso tinto, o raro Quinta do Seival Miolo 2003 Brasil que julgamos “personalidoso, sandaloso, orlandoso, fumático“.

$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$
Na culinária de diversos países, não existe distinção entre doce e salgado e um mesmo condimento pode ser utilizado para dar aroma e sabor a caldas, bolos, geléias e carnes.
$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$

dsc07518-2

                            dsc07521-2

SobremesaAbacaxi picante

A simplicidade é inversamente proporcional ao sabor.
Simplesmente abacaxi cortado em pedaços num refratário e cobertos por uma calda formada por mel, noz moscada, pimenta vermelha em pó e açúcar derretidos; levados ao forno por 25 minutos (200°C) ou até a fruta dourar.

dsc07560-2

Dei uma improvisada e servi com sorvete de creme.

dsc07609-2

Não é à toa que as especiarias se transformaram em objetos de desejo! A nossa cheirosa e condimentada noite estava terminando.

Antes disso, leia a opinião dos temperistas :

dsc07584-2

Leve e perfumado. Fácil de comer. (Edu)
Especiarias especiais. (Mingão e Zeca Baleiro)
Eu “se sinto” satisfeitíssimo. (Déo)

Tivemos nas fotos e pela ordem : cardamomo, kummel, pimenta da jamaica, pimenta vermelha, nigella, zimbro, mostarda, erva doce, açafrão, coentro, fava de baunilha e anis estrelado.  Uma bela seleção de especiarias à serviço do DCPV.

dsc07526-2 dsc07550-2                                                                          dsc07551-2

Até a próxima !

.

Anúncios

9 Responses to “dcpv – na rota das especiarias”


  1. 1 Ameixinha maio 7, 2009 às 4:39 pm

    Que seria da culinária sem as especiarias. A maioria delas representa muito das mulheres… as pequeninas têm o “sabor” super concentrado e são as melhores he he
    Eu não conheço ainda a maioria das especiarias porque, infelizmente algumas não são fáceis de encontrar por aqui. Até agora, não conheço nenhuma que eu não goste 🙂 Esse menu saiu espectacular!

  2. 2 Emília maio 7, 2009 às 6:33 pm

    Edu, sejam bem-vindos! Quero só ver os postzitos de Miami 🙂
    Sabendo usar (coisa que vocês com certeza sabem!), as especiarias fazem toda a diferença entre uma comida boa e outra espetacular. Adoro!
    (Também compramos as nossas na Bombay, inclusive fava de baunilha. Eles têm também umas pimentas recheadas que são uma coisa!)

  3. 3 Mari Campos maio 10, 2009 às 6:08 am

    Bem-vindos de volta! Sabe que lembrei muito de vcs, com todos os aspectos maxigastronomicos do meu mes Toscano? 🙂
    E, by the way, tambem sou apaixonada por especiarias!

  4. 4 Liliane maio 10, 2009 às 9:56 am

    Sou apaixonada por especiarias. Aqui é um terror encontra-las. Nem em locias que deveriam vende-las. Quando viajo, 1 única vez no ano, vou atrás delas.
    Trouxe sementes açafrão lá de São Roque-SP e não consigo usa-las. Não acertei usa-las.
    Liliane

  5. 5 luis pontes maio 10, 2009 às 6:31 pm

    Belos petiscos, Eduardo!

    Eu perco a cabeça por especiarias e adoro comprá-las in loco!

    Da viagem que acabei há pouco a Marrocos, vim, literalmente, carregado delas, algumas nem sei bem como usar! 🙂

  6. 6 Patricia Scarpin maio 11, 2009 às 9:38 am

    Edu, também adorei esta matéria da revista Cláudia – pena que a danada da revista seja tão fininha… 😀

    As fotos me deram água na boca! O que é aquele franguinho? Delícia!

  7. 7 eduluz maio 13, 2009 às 3:40 pm

    Ameixa, nós também não. Nossa especialidade são as especiarias.
    E este teoria das menores serem as melhores tem a ver com “legislar em causa própria ” ?? rsrs

    Emília, os posts de Miami estão (literalmente ) saindo do forno!!
    Também adoro comprar produtos Bombay. Já as caríssimas favas, comprei um montão em Dubai e a preço de banana !! Este contrabando valeu !! rsrs

    Mari, que bom ser lembrando num lugar tão bacana quanto a Toscana. E melhor ainda ficar um mês por lá. Boa viagem pra você.

    Liliane, sementes de açafrão? Qual açafrão? O espanhol ou o da terra, a famosa cúrcuma? Qualquer um deles dá pra ser usado com tranquilidade!

    Luís ( e o novo Y?), nos conte quais as que você trouxe do Marrocos ( ainda vou usar a tua consultoria pois não conhecemos o Marrocos).

    Patrícia, é mesmo. A revista é fininha e as vezes bem ruim (ainda mais quando a Bettina com aquelas receitas muito manjadas!! rsrs).
    O frango estava muito delicioso ( não tanto quanto o do teu Inter Blogs, mas estava !).

    Abs a todos

  8. 8 Ameixinha maio 14, 2009 às 9:19 am

    Edu, claro!!! Tenho que puxar a brasa à minha sardinha. Costuma dizer-se que as mulheres querem-se como as sardinhas… pequeninas 🙂

  9. 9 eduluz maio 18, 2009 às 12:54 pm

    Comentário arquivado pra ser usado futuramente.
    Abs.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




É só inserir o seu email, clicar no botão "Seguir" e a cada novo post publicado aqui, você receberá uma mensagem com o link. É fácil, qualquer criança brinca, qualquer criança se diverte! :)

Junte-se a 644 outros seguidores

Comentários

Blog Stats

  • 1,355,984 hits
maio 2009
S T Q Q S S D
« abr   jun »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Arquivos

Atualizações Twitter


%d blogueiros gostam disto: