Friccó, confortável!

supermeeting
27/09/09

Friccó, confortável!

Sabe aquele lugar que você acha que já foi? Que tem quase certeza que comeu lá ( e gostou) alguma vez?
Ou melhor, tem certeza que vai voltar mais vezes ?

DSC01483

Pois o Friccó é assim. O Sauro Scarabotta ( italianaço!) e a sua esposa, a Rita transformaram esta cantinona neste lugar.

DSC01484

Lá, tudo parece familiar. O serviço ( perfeito), a comida (confortável e muito boa), os vinhos (uma variedade imensa), o ambiente ( familiar ao extremo) e até a localização (putz, fica no Paraíso!!).

DSC01485

Estávamos ( eu e a Dé) na companhia de um grande novo-amigo blogueiro, o Paulo do  blog Gourmet Blasé e especialista no Friccó (pelo menos pela vizinhança). Com esta consultoria tão abalizada e enquanto apreciávamos  o couvert e as brusquetinhas de tomate, demos uma bela espiada no cardápio.

DSC01493

Foi nesta hora que o grande Paulo  nos mostrou o vinhaço que ele trouxe ( ele está acostumado a investir o seu suado dinheirinho em grandes obras-primas da cultura vitivinícola, tais como algumas Grande Dammes), um Cinque Autoctoni Edizione Farnese. Espetacular !

DSC01495

Falamos pelos cotovelos (parecia uma reunião de italianos). O Paulo contou sobre as suas peripécias ( sabia que há pouco mais de um ano ele não bebia absolutamente nada de vinhos) e eu e a Dé sobre as nossas experiências viajandísticas.

DSC01509

Escolhemos duas especialidades da casa: o Gourmet foi de Friccó de Frango que são pedaços de frango cozidos num molho de tomates e vinho branco acompanhado de macarrão parafuso num leve pesto de rúcula..

DSC01498

A outra  foi da Dé : um Ravioli de Abóbora ao Contrário com Linguiça. Estava tão bom que a Dé comeu quase tudo e, consequência, sobrou bem pouquinho pro degas aqui. A foto explica melhor o prato:

DSC01500

Eu fui de mais uma “estranhice”deliciosa. Buchecha de javali (é, eu já vi desossar!) com uma molho de vinho tinto e risoto à milanesa. Pra quem está curioso, a bochecha tem gosto de uma moela “light”. Nunca comeu moela? Então, vá ao Friccó e experiente a bochecha!

DSC01502

Mais um pouco de conversa ( fizemos praticamente um almoço slow food) e partimos pra sobremesa. E foi isto mesmo : todo mundo pediu a mesma sobremesa!! Uma rabanada que estava boa demais e que era uma Gisele, ou seja, muito fotogênica.

DSC01511

Conversa animada, mas tínhamos que ir embora. Não foi  suficiente e já deixamos algumas questões em aberto prum próximo encontro. (tá bom, eu levo o vinho!!)

Até !

PS – Conversando com o Sauro, ele afirmou que o Friccó já é uma evolução das cantinas italianas dos anos 60/70 e que se não se atualizarem, tendem a desaparecer.
 Eu acho que evolução é necessária, mas também acho que tradição pesa bastante!!  Portanto, pro meu gosto o Friccó não precisa de muita coisa pra evoluir e ficar exatamente como está!!

.

Anúncios

9 Responses to “Friccó, confortável!”


  1. 1 Rita novembro 7, 2009 às 9:32 am

    realmente voce tentende de gastronomia , alem de escrever muito bem

  2. 2 Luciana Betenson novembro 7, 2009 às 10:19 am

    Edu, que máximo, eu NUNCA vi ninguém falar do Edizione no Brasil, um dos meus vinhos prediletos de longe!! Nossa, que cardápio maravilhoso… vou por o Friccó na lista, tá demais mesmo, hoje você se superou… só fiquei com inveja do novo amigo blogueiro, eu e o Mike estamos na fila de novo hem? Um abração!

  3. 3 Ameixinha novembro 7, 2009 às 6:00 pm

    Edu, o prato da Dé é a coisa mais linda que tenho visto por aí 🙂 Fenomenal… também quero he he
    Ainda por cima tem milho e eu adoro milho!!! Acho que não há nada neste menu que tenha mau aspecto. É tudo super bonito e bem apresentado e eu também como com os olhos 🙂

  4. 4 Constance Escobar novembro 9, 2009 às 10:09 am

    Adorei o ravióli de abóbora da Débora!

  5. 5 eduluz novembro 10, 2009 às 11:51 am

    Rita, bondade sua. Gostaria de entender muito mais, com os consequentes laboratórios que isto implicaria.

    Luciana, quem está na fila pra sair com vocês, somos nós. Quem sabe no próprio Friccó?
    Ah! Este Edizione é fabuloso!!

    Ameixa, você tem muito bom gosto. Também achei este prato (e a foto) um espetáculo. Só tem um probleminha: o que você não é milho. É macarrão!!

    Cosntance, o tal ravioli é uma delícia mesmo e muito bem bolado!!

    Abs a todas.

  6. 6 Ameixinha novembro 10, 2009 às 3:51 pm

    Sem problema, também gosto de macarrão… é que ele parece mesmo milho he he E eu sou meio miúpe 😉

  7. 7 eduluz novembro 15, 2009 às 10:27 am

    Ameixa, sabe que prestando atenção, parece mais milho do que macarrão. Você não está tão ruim da vista assim!! rsrs

    Abs

  8. 8 Gourmet Blasé junho 5, 2010 às 1:15 am

    Grande Edu,
    Nem tinha visto esse post do almoço, acredita? Andei super sumido (no melhor estilo Belchior), enrolado com muito trabalho e viajando um pouco também… mas estou voltando à esfera blogueira… por enquanto apenas nos comentários.
    Ah, não esqueci do almoço/jantar no Marcel.
    Abs!

  9. 9 eduluz junho 7, 2010 às 8:13 pm

    Gourmet??? Você apareceu!!
    E eu que pensava que você era apenas um rapaz, latino-americano, sem dinheiro no bolso e vindo do interior! 🙂
    Muito bom o teu retorno e aguardo a tua volta a blogosfera ( ô palavrinha feia!).
    ]
    Abs.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




É só inserir o seu email, clicar no botão "Seguir" e a cada novo post publicado aqui, você receberá uma mensagem com o link. É fácil, qualquer criança brinca, qualquer criança se diverte! :)

Junte-se a 643 outros seguidores

Blog Stats

  • 1,350,096 hits
novembro 2009
S T Q Q S S D
« out   dez »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

Arquivos


%d blogueiros gostam disto: