restaurante marakuthai, ô lugarzinho bonito!

SP, a praia
31/10/09

Restaurante Marakuthai, ô lugarzinho bonito!

Imagine a cena: sábado; 13:30 hs; final de semana com feriado na segundona; nós ( eu e a Dé) na praia (SP) e indo almoçar num restaurante com cara de litoral, o Marakuthai.

DSC03796-2

A expectativa era grande pois a Renata Vanzetto, jovenzérrima,  ganhou o prêmio de chef revelação da Veja e o lugar foi decorado pela Silvia Camargo que deixou tudo com uma cara imensa dum lugar que poderia  (e deveria) ter um mar na sua frente, que infelizmente  neste caso, era de prédios). Ah! A Silvia é a mãe da Renata e estava por lá.

DSC03809-2

Marakuthai (não consegui achar a explicação preste nome, mas o restaurante tem cara de Marakuthai mesmo) mistura as culinárias brasileira, francesa e óbvio, a tailandesa ( que adoramos!).

DSC03812-2

Chegamos e surpresa: tapetes persas na calçada. Ótima  recepção!

DSC03842-2

Fomos alojados no andar superior (tinha muito sol e num determinado momento, a Dé começou a reclamar pois o astro-rei batia nas costas dela. Nada a ver com o vinho rosé Aquitania 2008, o belo tinto de verão que tomamos).

                       DSC03810-2

Uma providencial água aromatizada com hortelã, limão e pimenta dedo-de-moça foi servida.

DSC03805-2

O couvert básico ( pãezinhos, manteiga temperada, beringela e abobrinhas) … 

DSC03799-2

… foi complementado pela entrada, um Khiri Khiri que são bolinhos cremosos de camarão com crosta de castanha e molho picante e saquê.  Estes bolinhos tem um sabor bem praiano ( faria um tremendo sucesso no menu da franquia de barraquinhas de praia que eu quero montar. Vou pedir a receita pra Renata se eu conseguir falar com ela!) e a sacada do molho é muito boa!

DSC03814-2

Como principal, a Dé foi na especialidade dela: peixe. E empanado com farinha de milhomuito bem acompanhada” ( o grifo é do cardápio e nosso!) de purê de batata doce e aromatizado com azeite de trufas.

DSC03820-2

Grande prato com sabores mesclados e escondidos. A Dé adorou.

DSC03827-2

Eu fui de tirinhas de filé mignon num molho picante de curry vermelho levemente adocicado com arroz jasmim e farofa de banana. Só a apresentação já valeria o pedido, mas além da cara bonita, tudo estava muito bom.

DSC03831-2

A carne bem “hot” com um arroz jasmim grudadinho como manda a lei e a farofa sequinha. Poderia ser chamado de um grande picadinho thai/praiano.

DSC03828-2

A sobremesa? Já estávamos no limite, mas o fominha aqui insistiu. Queria  porque queria experimentar o Brulejane, um creme brulée com coulis de manga e menta.
E a providência divina , segundo a Dé, apareceu. Sabe o que aconteceu?

DSC03816-2

O garçom veio me avisar que, devido ao movimento do dia anterior, algumas sobremesas estavam em falta e, entre elas, a Brulejane. Paciência!
E me diz se a esta bolsinha não “minimiza” o valor da dolorosa!! ( Ah! A Marina que nos atendeu é excelente!).

DSC03838-2

Voltando a sobremesa, não faz mal! É mais um motivo pra retornarmos com a família completa (a Re vai adorar) e quem sabe, encaixarmos a tal Brulejane no menu degustação que a Renata fará pra nós!
Melhor ainda, no Marakuthai de Ilha Bela. Não, é melhor ficar por aqui mesmo e aproveitar esta praia perfeita que é São Paulo: sem areia, sem muito sol, com bastante ar condicionado e muitos (bons) restaurantes.

DSC03833-2 DSC03840-2

Até lá!

.

Anúncios

22 Responses to “restaurante marakuthai, ô lugarzinho bonito!”


  1. 1 Paulo e Aninha Futami novembro 20, 2009 às 9:26 am

    Esse restaurante é especial. As entradinhas sao surpreendentes… provamos um ceviche, que até eu, Ana, que não gosto normalmente, AMEI!
    Vá em Ilhabela visitá-los. O visual do mar com barquinhos deixa td mágico!

    Abs

    Ana e Paulo

  2. 2 Rogério novembro 20, 2009 às 9:49 am

    Edu,
    Quase coincidência, estivemos no Marakuthai (de Ilhabela) faz umas 3 semanas e pedimos quase o mesmo cardápio que vocês, com a diferença que dividimos as entradas: os bolinhos cremosos de camarão e uma salada com harussame que estava ótima. Tentei reproduzir em casa e ficou bem legal. Vou publicar esta semana a receita. O nome? Eu chuto que Marakuthai vem de maracutaia mesmo… porque ela cozinha com bastante influência tailandesa, mas não chega a ser aquela culinária “pura” da Tailândia. De qualquer forma é uma delícia e a moça é mesmo criativa…
    abraço
    Rogério

  3. 3 Ameixinha novembro 20, 2009 às 12:53 pm

    Adorei a decoração, super acolhedor e muito luminoso 🙂
    A comida tem uma cara boa!!!

  4. 4 Armazém S.A. novembro 20, 2009 às 2:41 pm

    Boa Edu, com certeza vou dar um pulo lá pra conferir! Abs!

  5. 5 Isabela novembro 20, 2009 às 3:06 pm

    Olá Edu!
    Outro dia li uma reportagem sobre a Renata na revista da Gol e achei muito legal a história dela, de como começou e tal. O restaurante é lindo e tudo parece uma delícia! Quando tiver oportunidade, vou lá conhecer.
    Bjs…

  6. 6 eduluz novembro 26, 2009 às 1:15 pm

    Paulo e Ana, estamos justamente com a idéia de conhecermos a matriz praiana do Marakuthai lá na Ilhabela.

    Caríssimo companheiro de Paladar, vamos à Ilhabela, então.
    E pensando bem, concordo coma tua versão pro verbete Marakuthai.rs

    Ameixa, luminoso ao extremo e só faltou a água do mar!!

    Vai lá, xará! É bom demais!!

    Isabela, apesar da Renata ser bastante nova, a comida é de uma veterana.

    Abs a todos.

  7. 7 Lud novembro 27, 2009 às 6:33 pm

    Oi Edu, passei pela frente desse restaurante quando estive aí em Sampa e lembro de ter chamado a atenção para o nome (adoro tiradas linguísticas de bom gosto!). Bom saber que por dentro também é bom e muito bonito (aliás, belíssimas fotos). Mais uma preciosa dica para as visitas à terra prometida (risos)…

    Beijos,
    Lud

  8. 8 eduluz novembro 29, 2009 às 6:35 pm

    Lud, não tive tempo de te indicar o Marakuthai porque ainda não o conhecíamos.
    Fica pra quando voltarem a Terra Prometida… Gostei dessa! rsrs

    Abs.

  9. 9 beto fevereiro 22, 2010 às 12:39 pm

    Não recomendo essa bomba…comida extremamente temperada… péssima !! passei mal + de 3 dias

    • 10 Marcelo fevereiro 22, 2012 às 8:23 am

      Então somos dois! Tudo adocicado demais, sem falar no clima tenso que impera entre os funcionários, tudo muito forçado. E ainda por cima, como é todo montado com móveis velhos de bazar, as cadeiras vivem caindo.
      Comer comida doce, cara, sendo servido em um ambiente tenso e com medo de cair no chão a qualquer momento não é uma experiência agradável.
      Nota zero para a administração do Maracutaia.

      • 11 eduluz fevereiro 23, 2012 às 12:31 pm

        Marcelo, sai dessa!
        Fomos ao Marakuthai várias vezes e gostamos de todas.
        E tem mais, não caímos nenhuma vez das cadeiras! 🙂

        Abs Thais e Marakas pra você.

  10. 12 eduluz fevereiro 22, 2010 às 11:21 pm

    Beto, estranho pois a nossa experiência foi exatamente o contrário!!
    E adoramos comida temperada.
    Passamos bem e foi por muito mais do que 3 dias!

    Abs.

  11. 13 blog março 7, 2011 às 11:54 am

    Boa dica, e quem não gosta de um lugar aconchegante e com ótima comida, o que casaria muito bem com um ótimo vinho.

  12. 14 eduluz março 10, 2011 às 7:35 pm

    Blog, você escolheu o post certo pra fazer uma propaganda. Perfeito!

    Abs baquianos pra vc.

  13. 15 Fernando Peixoto abril 26, 2011 às 4:27 pm

    O restaurante é incrivel, mais que recomendado!!

  14. 16 eduluz abril 28, 2011 às 7:41 pm

    Fernando, achamos a mesma coisa.

    Abs thai, mas nem tanto.

  15. 17 nilton paixao setembro 12, 2011 às 1:29 am

    muito lindo adorei conheçe vc estao de parabens

  16. 18 nilton paixao setembro 12, 2011 às 1:32 am

    moro em joinville sc so comsiero trabalhei 7 anos ai em sao paulono restorante rascal .da lamenda santos

  17. 19 eduluz setembro 21, 2011 às 8:15 am

    Nilton, seja bem-vindo.
    E o Rascal tem uma comida-rápida muito boa.

    Abs thais e rascalados

  18. 20 Claudemir março 9, 2012 às 10:09 am

    Decoração cafona e comida horrível. A única coisa um pouco mais bonita e gostosa no restaurante é a cheff Renata Vanzetto.

  19. 21 eduluz março 15, 2012 às 12:52 pm

    Claudemir, sai dessa.
    A comida é muito boa por lá. Nós iremos novamente no próximo final de semana só pra confirmar! 🙂

    Abs sem rancor e sem canibalismo.


  1. 1 virada paulista, bloguista e da amizade « Da cachaça pro vinho Trackback em junho 18, 2010 às 7:12 am

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




É só inserir o seu email, clicar no botão "Seguir" e a cada novo post publicado aqui, você receberá uma mensagem com o link. É fácil, qualquer criança brinca, qualquer criança se diverte! :)

Junte-se a 640 outros seguidores

Comentários

Blog Stats

  • 1,336,498 hits
novembro 2009
S T Q Q S S D
« out   dez »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

Atualizações Twitter


%d blogueiros gostam disto: