provence – neuvième jour – o novo castelo do papa

12/07/2010

Provence – Neuvième Jour  – O Novo Castelo do Papa.

Quando eu vi que Chateauneuf du Pape era perto de Avignon, não pensei duas vezes em incluir uma visita à cidade no nosso roteiro.

E hoje era o dia!

Antes disso, conhecemos o Musée de la Lavande, que fica em Coustellet e que além  de informações interessantes sobre a bela e perfumada flor, ainda tem a melhor loja com produtos derivados dela e que é de fazer você pensar em jogar a tua franquia de malas nas pedras. Cremes, sementes culinárias, sabonetes, shampoos, sachês. Eles tem até pés de lavandas!

E lá você fica sabendo que as lavandas originais tem uma flor em cada ramo e as lavandins (que são as mais abundantes) tem mais do que uma.

Aproveitamos e demos mais uma paquerada em Isle sur la Sorgue já que a Re ainda não conhecia (bela desculpa!)

É realmente um lugar agradável e bonito.

Definitivamente caiu nas graças da família. É candidato sério a ser a sede provençal do DCPV. A Dé indicou! rs

Até que seria bem fácil viver por lá, né não? Quem sabe até aprenderíamos a jogar Boules, a quase bocha.

De lá, rumamos direto pra Chateauneuf.

Meia hora depois, estávamos numa área com uma paisagem surpreendente e com uma quantidade absurda de vinhedos/vinícolas conhecidas.

No caminho, conhecemos o Bernard Castelain, um grande chocolatier e que tem uma variada loja gourmand.

Compramos algumas coisinhas (chocolates, vinhos, doces) e fomos definitivamente pra Chateauneuf du Pape, que foi denominada desta maneira por ser justamente o lugar onde o Papa (que tinha se mudado pra Avignon) ia nos seus dias de lazer tomar uns vinhozinhos da melhor qualidade.

Começamos passeando pelo centro da vila. Que como todas na Provence, era muito bonita, com lugares fantásticos e extremamente vinhática.

Resolvemos almoçar por lá mesmo, no restaurante La Mule du Pape que oferecia uma comida simples, que neste caso não é pouca coisa.

Tomamos um rosé provençal  e providencialmente refrescante.

Comemos saladas, omeletes, …

 … e uma formule (pra mim) com uma salada de batatas como entrada, …

 … e carne de porco e moules (de novo!) com um denso molho atomatado.  Terra e mar em plena harmonia!!

Passamos ainda pelo Musée du Vin, meio meia-boca, mas mesmo assim interessante e voltamos pra nossa região.

Antes de voltarmos, conhecemos o marco zero da cidade, o verdadeiro Castelo Novo do Papa. Não está tão novo assim, mas …

Próxima parada?

Ménerbes, retratada tão bem pelo Peter Mayle e próxima ao Le Musée du Tire-Bouchon, o famoso Saca-Rolhas.

Taí uma visita curiosa, instrutiva e bacana.

Às vezes, sacana.
São vários tipos de saca-rolhas expostos cronologicamente  e esclarecendo a evolução deste tão precioso apetrecho.

O tour ainda dá direito a conhecer a vinícola e como os vinhos são envasados além da passagem pela cave onde eles repousam. Impossível não comprar alguns deles.

Voltamos por Bonnieux (eu juro que tentei achar a placa do filme Um Bom Ano (A Good Year). Quem assistiu e leu o livro, concorda comigo que o filme, apesar das imagens fantásticas, resultou numa bomba! O Russel Crowe está mais canastrão do que nunca!)

Informamos a Maria (a voz portuguesa do GPS) que queríamos ir ao hotel por um caminho turístico e ela nos brindou com mais uma verdadeira demonstração da pujança provençal.

Após andarmos embrenhados no mato por uns 30 minutos, nos vimos no meio de um montão de árvores bonitas.

Era um tremendo cerejal!

É claro que tiramos um  montão de fotos. E  mais claro que ainda que aproveitamos pra pedir emprestado um  montão de cerejas e… comemos todas.

Doces ao extremo e com a sensação de que o proibido é mais gostoso mesmo.

Chegamos ao hotel, nos trocamos (ei, tomamos banho  também) e fomos jantar em Gordes.

Mais uma vez a história das reservas se repetiu. Não tínhamos feito e após perambularmos por alguns restaurantes, conseguimos uma mesinha no Le Provençal, quase uma pizzaria.

O curioso é que o lugar é de um asiático (daí a transgressão das regras) e ele te obriga a pedir pelo menos um prato pra cada adulto.

Duas pizzas e uma tremenda salada depois, estávamos saciados e prontos pra dormir.

Ao som dos cigarras (eu já falei do barulho altíssimo que elas fazem?) e com um céu lindíssimo.

Dia perfeito. Na verdade, faltou visitar o Museu da Taça de Cristal se ele existisse (taí uma boa idéia prum novo negócio, sócio) já que tínhamos ido no de Vinhos e no de Saca Rolhas!.

Au revoir. Amanhã passamos por Aix en Provence, almoçamos com a Rachel Verano e o Marco e chegamos a Nice. É dia de show da Pink.

Uhu!!

.

Anúncios

14 Responses to “provence – neuvième jour – o novo castelo do papa”


  1. 1 Cláudia setembro 16, 2010 às 9:57 am

    E agora as coquelicots.Mais um campo perfeito!! Quase um quadro de Monet.Longa vida aos posts sobre a Provence!!!
    Quanto ao filme Um Bom Ano, salva-se pelas paisagens maravilhosas. Chega a ser patético as cenas do Russell Crowe. Eu implico com esses filmes americanos que para parecerem engraçados, todo mundo precisa cair, tropeçar ou derrubar algo. Um diretor como o Ridley Scott não precisava desses artifícios tão irritantes.
    Abraços.

  2. 2 Ameixinha setembro 16, 2010 às 4:40 pm

    Uma loja com produtos de lavanda seria a minha perdição 🙂 Adorei os primeiros saca-rolhas… bem sugestivos, né? 🙂
    Não sabiam que não devem confiar na Maria? Mulher portuguesa escolhe sempre o caminho mais longo he he A gente complica!!!

  3. 3 LuciaC setembro 17, 2010 às 9:09 am

    Edu&Dé,
    tudo muito lindo!
    Uma explosão de flores fantástica.
    As cerejas, uma grande tentação e porque não “pic your own”?
    Chegasse alguém era só perguntar: combien, não é?
    Quanto ao filme, achei encantador. Provence em festa.
    Cucuron foi a ville mais filmada, a do étang.
    De quebra umas fugidas ao cenário londrino que adorei.
    “Max” criança é uma graça, as figuras de Francis Duflot e Ludovine são ótima.
    Albert Finney, mais de 40 anos depois volta a Provence, sem Audrey Hepburn. Como o passar dos anos maltrata!
    Enjoadinhos são Russel Crowe e Marion Cotillard e…Peter Mayle.
    No mais “…MacDonalds in Avignon, fish and chips: Marseille.”

  4. 4 Sueli OVB setembro 17, 2010 às 12:48 pm

    EDU, querido

    Fiz dois dias em um. Amei tudo, o oitavo e o nono dia dessa maravilhosa viagem. Dicas imperdíveis e paixão mais do reconhecida em cada lugarzinho, em cada restaurante, em cada loja.
    Acho que Isle sur la Sorgue também é a minha queridinha, embora eu adore Aix-en-Provence.
    Obrigada por compartilhar tantos prazeres com a gente.
    Beijos nas meninas e um grande abraço a você.

  5. 5 eymard setembro 17, 2010 às 5:42 pm

    Sócio, você é muito bom de negócio! De fato andei investigando e não consegui um museu de taças de cristal. Seria fantástico! A dificuldade vai ser saber se abriremos em Ferraz ou em Brasilia (rs). Na dúvida, podemos abrir na sede provençal do DCPV. Vamos discutir isso embalados com um bom vinho servido em uma bela taça de cristal!
    Será que a Beth, Cláudia ou LuciaC não saberiam da existência de um museu concorrente?

  6. 6 Adriana (Drix) setembro 17, 2010 às 9:22 pm

    Sueli e Lourdes, acho que já sei de onde veio nosso presente… Acertei, Débora? Que delicia deve ser o Musée de la Lavande. A lojinha então…

  7. 7 Sueli OVB setembro 18, 2010 às 12:16 am

    ADRIANA,
    Acho que você acertou!
    Nada como ter amigos viajando pela Provence. E melhor ainda, que pensam em nós.
    Vamos ver o que virá da Toscana.

  8. 8 eymard setembro 18, 2010 às 10:39 pm

    Sueli, da Toscana, nao sei! Mas, do Piemonte, quem sabe? (rs) Um picolo tuberculo? Se nao achar nenhum, quem sabe um sache de trufas? (rs)

  9. 10 Beth setembro 20, 2010 às 7:15 pm

    Edu
    Mais um dia maravilhoso viajando com vcs…
    Quanto ao filme, eu gostei, pois sou apaixonada pela Provence!
    Abs.

  10. 11 persabrasileiro setembro 21, 2010 às 4:31 pm

    Amiga Blogueira, passei para informar que o “Persa Brasileiro na Provence” completou três anos em 2010 e como presente de aniversário o blog ganhou um novo visual com páginas onde os assuntos foram distribuídos para facilitar a navegação, detalhes cheios de charme e um logo que é a cara da Provença! Tudo isso com um endereço mais curto e simples: http://www.naprovence.com.

    Espero que você goste do resultado como eu e saiba que tudo isso foi feito para que você encontre a informação que procura sobre o sul da França da maneira mais agradável possível. Sugestões e comentários sobre a mudança vão ser muito bem-vindos assim como as suas próximas visitas. Beijos e até breve.

  11. 12 Madá setembro 21, 2010 às 11:41 pm

    Edu,

    Tudo muito legal. Eu acho que o restaurante do filme Ano Bom foi naquela pracinha em Gordes.

    LuciaC, também adorei as cenas em Londres e aquela secretária do Russel Crowe.

    Edu, se ao invés de 9 dias, voce só tivesse 1 dia e 1 noite na na Provence, ou melhor, proximo a Arles/Nimes, onde vc ficaria ?

  12. 13 eduluz setembro 23, 2010 às 1:56 pm

    Claudia, sabe que eu não sabia que eram coquelicots?? 🙂
    Concordo com o filme. Paisagens lindas com atuações esfarrapadas.

    Ameixa, a Maria é uma grande guia!
    E a loja é uma perdição. Especialmente pros bolsos e pros pesos da bagagens.rs

    LuciaC, ficamos pensando em dizer “quanto custa?”. Mas não apareceu ninguém pra cobrar! rsrs
    O filme tinha tudo pra ser um clássico. Mas o Russel e principalmente o Ridley pisaram na bola, ôpa, na lavanda.

    Sueli, gostamos mais de Isle pelo tamanho e formosura.

    Sócia, então às taças. Como ninguém se manifestou, acho que seremos pioneiros. Vamos montá-lo em Isle.
    Que tal planejá-lo no Piemonte?

    Drix, bingo!

    Sueli, Toscana??

    Sócio, que tal sementes de trufas? rsrs

    Chopp (nome sugestivo), é mesmo!

    Beth, também gostamos do filme. Mas ele teria tudo pra ser adorado!

    Persa, eu gosto do seu blog. Mas me chamar de “blogueira”?? rsrs

    Madá, foi uma beleza completa.
    Quanta a pergunta e na seca: ficaria em Saint Remy de Provence (eu te mandei um e-mail).

    Abs provençais a todos.

  13. 14 Madá setembro 25, 2010 às 10:51 am

    Valeu Edu. Eu nao recebi seu email 😦


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




É só inserir o seu email, clicar no botão "Seguir" e a cada novo post publicado aqui, você receberá uma mensagem com o link. É fácil, qualquer criança brinca, qualquer criança se diverte! :)

Junte-se a 633 outros seguidores

Blog Stats

  • 1,322,905 hits
setembro 2010
S T Q Q S S D
« ago   out »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  

Atualizações Twitter


%d blogueiros gostam disto: