dcpv – brasilia – alice (não me escreva aquela carta de vinhos de amor)

26/03/11

Brasilia – Alice (não me escreva aquela carta de vinho de amor)

A Alice Brasserie existe há 15 anos.
E sabemos que é difícil atingir esta marca no ramo de restaurantes, ainda mais estando sempre no auge (esta foto é do restaurante peruano ao lado. Uma singela homenagem pra Drix). 

Foi através duma informação que eu obtive aqui mesmo em São Paulo que esta experiência começou.

Eu li em algum lugar que o chef Cesar Santos do excelente e bonito restaurante Oficina do Sabor, de Olinda, iria apresentar o seu talento no festival La Table des Plaisirs, justamente em Brasília e na Alice.

Daí a brincar com o Eymard sobre passar um final de semana na Capital Federal, encontrar coincidentemente uma promoção da TAM (R$ 37,00 cada perna) e ir, foi um pulo! Ou melhor, uma voada!

Depois de tudo isto, só nos restou conhecer pessoalmente a Alice e aproveitar pra ver (rever) a comida do César. Tudo bem que seria num ambiente diferente de Olinda, mas nós estaríamos em Brasília e melhor, junto com personagens ilustres.

Chegamos no horário e dando uma olhada no lugar. É verdadeiramente uma Brasserie com um jeitão francês e com uma decoração alegre e descontraída.

Fomos recepcionados pelo Agostinho Carrara (conhecem, né? O da Grande Família). Quer dizer, não era bem ele e sim, um sommelier muito atrapalhado e simpático, vestido com um certo padrão “agostiniano” e com uma semelhança até aceitável (que aumentou bastante a medida que experimentávamos os vinhos).
Ele começou a nos servir (na verdade, o Eymard) um espumante argentino, o Nocturno Brut Mendoza com uma particularidade: estava tão nervoso que despejou uma boa parte do precioso líquido na mesa.

Demos muitas e boas risadas. O prato que acompanhou este vinho foi um caldinho de camarão com presunto de Parma e pasta de caju.
Muito bom e típico da boa cozinha pernambucana que o César representa tão bem.

Recebemos a visita da Alice e do César na nossa mesa. Muito simpáticos, ela explicou o porque do festival e disse que fazia questão de não interferir no menu indicado pelo chef pernambucano.
Mais um espumante, o Prosecco Bottega Poeti Veneto Italia e mais um ótimo prato, o trio nordestino composto de queijo de coalho, purê de bananas, manteiga com ervas e minitapioca do chef.

Desta vez o Agostinho não se atrapalhou e tudo esteve ok. Inclusive, aproveitamos pra fazer mais uma reunião do consórcio LoNgueluz.
Eu acho que estamos conhecendo tantos personagens que teremos a obrigação de escrever um bom texto de standup.

Terceiro prato: fruta mar, purê de fruta pão, siri ensopado e camarão ao molho de côco.
Terceiro vinho: Tapiz Torrontes 2009 Mendoza
E a promessa que eu tenho que emagrecer um pouco. Esta sociedade está me obrigando a isso! rsrs

A conversa rolava solta quando chegou o Cabrito. Uau, um ótimo pernil de cabrito assado com molho de especiarias, farofa de biscoito de polvilho e batata doce com cebola roxa na manteiga de garrafa. Caramba, parece um daqueles textos da literatura de cordel!

O vinho que o Agostinho nos serviu foi um velho conhecido, o excelente Panarroz Jumilla 2004 Espanha.
Dessert’s time! Uma tremenda  degustação dos sabores de Pernambuco formada de bolo Souza Leão, bolo de rolo, cartola e sorvete de tapioca com baba de moça. Acompanhada dum Late Harvest Moscatel Santa Rita 2009 Chile , por coincidência, o mesmo vinho que tomamos ontem no Aquavit.

E chegamos ao fim dum jantar genuinamente nacional num lugar bastante francês, com amigos campineiros que moram em Brasília e nós, os ferrazenses. Isto é o que podemos chamar de globalização.

Ah, você quer saber como foi o comportamento do Agostinho no restante da noite? Foi muito bom e excetuando-se as vezes em que ele esqueceu da gente, fomos nós que esquecemos dele. Também, com um luar destes!

Até BH.

.

Anúncios

11 Responses to “dcpv – brasilia – alice (não me escreva aquela carta de vinhos de amor)”


  1. 1 eymard maio 7, 2011 às 7:28 am

    Eu acho o Alice uma delicia. Maravilhoso, diria nosso amigo Juscelino! Pra variar ja chegamos rindo (e sem bebida) – rs. O Agostinho foi o ponto alto (quase literalmente, nao é?). Ja logo digo que nao é o Sommelier da casa. Mas deixou o ambiente bem descontraído. A comida esteve irrepreensível e com aquela lua, na saída, quase tivemos que voltar caminhando….hum esse post me deu vontade voltar la no Alice! Ah, foi nesse jantar que descobrimos que o Edu tem uma única restriçao alimentar (porque estava bem dificil achar alguma): as bananas (rs).

  2. 2 Adriana maio 7, 2011 às 11:54 am

    Edu, obrigada pela singela homenagem, ainda que o verdadeiro destinatário não a esteja merecendo :- )

    Que coincidência: também não sou muito fã de banana (tento não pescá-las nas saladas de fruta). Por analogia, também não sou muito fã de kiwi: para mim têm o mesmo sabor. Acho que vou procurar um especialista em paladar.

    Sueli, Alice é aquele que me mostrou quando fomos ver a mesa da Tratoria da Rosário?
    Eyamrd, é no festival La Table des Plaisirs que o Ivo, do Vecchio Sogno daqui, vai estar?

    Beijos! Especiais para as mães pelo dia de amanhã.

    Drix

    Contagem regressiva…

  3. 3 eymard maio 7, 2011 às 1:09 pm

    Adriana, sim e sim. Matou todas as charadas, como sempre. O Alice é aquele mesmo, na outra esquina (quem disse que Brasilia nao tem esquina?) da Tratoria. Eu gosto dA Alice (desde que era na casa dela) e dO Alice (atual). O Ivo vem (ou ja veio, nao sei) no festival La Table des Plaisirs.
    E agora mais essa? Nao gosta de banana, nem de kiwi…arroz soltinho, feijao rosinha com caldo bem encorpado, bife a milanesa e uma coca cola normal para a Adriana, por favor!!

  4. 4 Adriana maio 7, 2011 às 2:51 pm

    Eyamrd, desse jeito logo, logo sou presidenta (é assim que ela prefere, assim será… rs) do Clube das Enjoadas (Mimadas? nunca me lembro). Já sou???? :- ) Mas ADORO abacaxi!

  5. 5 eymard maio 7, 2011 às 3:20 pm

    Adrix (reli o primeiro e-mail que voce me mandou se apresentando e me lembrei o motivo do Adrix…rs) – Clube das MIMADINHAS (enjoadas, nao!!!) – rs.

  6. 6 eduluz maio 7, 2011 às 7:54 pm

    Sócio, o Carrara foi um acontecimento. E tem mais, ele é muito boa-praça! Desatento, mas boa-praça! rs
    Assim como a Alice é muito legal e bem-humorada. Muito mais sucesso pra ela.
    Quanto a banana, não é que eu não goste. O problema é que ela insiste em “conversar” comigo um tempão após ser deglutida! 🙂

    Drix, este citação foi pra animar o “hombre”.
    Quanto ao kiwi, adoro! rs
    A Brasserie Alice é muito boa e quem sabe não vamos lá no 555º ISB, né Sueli? rs

    Drix e sócio, foi isto mesmo. Mimadas! (Enjoada é pior? rs)
    Contagem regressiva é apelido. Semana que vem tem o 1º ISB’ em BH.

    Abs e bjs especiais pra todas as mamães.

  7. 7 Adriana maio 8, 2011 às 10:45 am

    Eymard, na verdade, o Adrix já tem nova história. O Drix vem da adolescência, quando eu devorada as histórias em quadrinhos de Asterix e Obelix. Esse período está registrado em um cantinho de minha estante, aqui em casa. Você poderá testemunhar. O Adrix surge com os amigos do DCPV, mais precisamente, os amigos do ISB, já que alguns me chamam de Drix e outros de Adri. Mas nem psicólogo dá conta de minhas várias “identidades/personalidades”… rs Sou Adriana, Simões para alguns alunos, Dri, para a família, Drica para Carlos e alguns amigos, Drix, para os amigos da adolescência, Adria para outros tantos, e Adrix para os novos amigos. Mas não importa o jeito que me chamem, o importante é que não me deixem de chamar! :- )

    Beijos da mimada que adora comer penne ao sugo ao lado de seu amigos simpatizantes de polvo, pato e dobradinha… ops.. dobradinha não!

  8. 8 Adriana maio 8, 2011 às 10:53 am

    Eymard, acho que não tenho mais esse e-mail. Reenvie, por favor, para eu ver como me apresentei! Fiquei curiosa! :- )

  9. 9 Sueli OVB maio 10, 2011 às 9:30 am

    Nossa, esse post virou puro corporativismo!
    Edu, a Alice é realmente um encanto de pessoa, tenho uma amiga que fornece uma sobremesa para o restaurante e já conversei muito com ela. Mas daí a gostar do restaurante vai uma distância. Direito que me assiste, não é mesmo?
    Você FOI ao restaurante da Alice, mas não comeu a comida do Alice. Certo?
    Na véspera desse evento no Alice, esteve aqui em Brasília o chef Rodrigo Oliveira, do restaurante Mocotó, e tivemos o prazer de conhecer seu belo trabalho. Ontem ele foi citado pelo Alex Atala, juntamente com a Helena Rizzo e seu marido, como geniais.
    Gostaria que você me enviasse aquela foto que estava no template desse post. Lembra qual é? Uma panorâmica com flores em primeiro plano. Está espetacular! Garanto que foi você o fotógrafo. rsrs
    Grande beijo.

  10. 10 eduluz maio 11, 2011 às 6:44 pm

    (A)Drix, dobradinha, não. Torresminho e buteco, sim!!

    Sócio, eu também quero ver!

    Sueli, realmente não experimentamos a comida da Alice. Fica marcado pra próxima. Direito adquirido!
    Você gostou muito da comida do Rodrigo? Ele fez buxada de bode?? rsrs
    Pode deixar que eu envio a foto.

    Abs alicianos, pero no mucho pra todos.

  11. 11 Panama corporation junho 1, 2011 às 12:22 am

    Bastardinho de Setubal 30 anos..Classificacao Vinho Licoroso.Regiao Lavradio margem Sul do Tejo.Casta Bastardo 100 ..Prova.Cor Topazio escuro com laivos encarnados e esverdeados.Aroma Frutos secos especiarias e menta.Paladar acidez notavel de frescura esquisita.Final Muito longo ..Deve ser servido a sobremesa sugiro que acompanhe um charuto .Temperatura ideal 16 17 graus C….Nota Este vinho licoroso e comercializado em garrafas de 500ml sendo a sua producao anual muito reduzida e unicamente a partir das reservas existentes. Bom apetite!…Ginja dos Monges do Convento da Rosa..Esta ginja tem como caracteristica propria ser usado o vinho tinto na sua preparacao.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




É só inserir o seu email, clicar no botão "Seguir" e a cada novo post publicado aqui, você receberá uma mensagem com o link. É fácil, qualquer criança brinca, qualquer criança se diverte! :)

Junte-se a 640 outros seguidores

Comentários

Blog Stats

  • 1,336,498 hits
maio 2011
S T Q Q S S D
« abr   jun »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Atualizações Twitter


%d blogueiros gostam disto: