dcpv – mendoza – dia uno – cavas wine lodge, que hotel!

07/08/13

Mendoza – Dia uno – Cavas Wine Lodge, que hotel!

Nota do editor: nós tivemos um problema com o cartão da nossa máquina fotográfica e perdemos as fotos dos dois primeiros dias desta viagem. O jeito foi apelar pros amigos e utilizar as fotos que tanto a Márcia/Vianney como o casal Lourdes/Eymard tiraram. Portanto, não reparem se o post resultar um tanto quanto remendado. Podem ter certeza que não foi o vinho! 🙂

Era dia de se embrenhar no enomundo de Mendoza.

SONY DSC

Tudo bem que o sacrifício seria grande.

SONY DSC

Afinal de contas, acordar as 6:00 hs e com frio não é lá muito agradável, né? Mas tínhamos vôo (curto e extremamente turbulento) as 10:20 pela LAN.

DSC07488

Chegamos (agora já com a Madá e o Álvaro junto conosco) e embarcamos no transfer pro hotel Cavas Wine Lodge. E que hotel!

DSC01687

Ele fica no meio de videiras e os quartos são estonteantes.

DSC01702

Grandes, …

DSC01773

… muito bem decorados …

DSC01765

…  e charmosos.

DSC01767

É o mínimo que podemos falar deles.

DSC04168

Aproveitamos pra conhecer tudo (a área comum também é incrível), já que separamos este dia pra curtir o local e pra dar uma descansada.
Se bem que, antes disso, a fome apertou e fomos obrigados a almoçar!

DSC03071

Como o pessoal qua atende é muito atencioso, tudo estava preparado pra nossa lauta refeição (não precisa nem dizer que foi o Vianney que tirou as fotos, né?).

DSC01707DSC01708

O restaurante é bem bacana e não tivemos problema nenhum em escolher os pratos do menu.

DSC01715

Quase todos aproveitaram pra pedir algumas empanadas de entrada e  curtir o excelente vinho Kaiken 2008 (pedimos duas garrafas).

DSC01728

Tudo foi perfeito e estávamos preparados pra pedir os pratos principais.

DSC01714

A Márcia e o Vianney atacaram na especialidade da casa, as carnes. Um bife de ancho para cada um e os espíritos carnívoros foram saciados.

DSC01734

Já a Madá, a Lourdes e a Dé escolheram uma sopa de tomates que estava bem clara e muito saborosa.

DSC01735

O Álvaro e o Eymard pediram uma massa com ragu de cabrito e eu, um maltagliatti com ragu de ossobuco.

DSC01737

Todas al dente e com o molho bem característico.
Como a sede ainda era grande, pedimos mais uma garrafa dum Malbec (pra quem não sabe, a uva característica da Argentina) Luca 2007 e refletimos sobre a excelência dos vinhos mendocinos.

DSC01744

Quando terminamos, já eram 17:30 hs. Foi o tempo de todo mundo dar uma descansada e aproveitar pra curtir o quarto …

SONY DSC

… e o visual dele.

DSC07418

Veja que apesar do mau tempo, deu pra ter uma idéia do entorno do hotel. Imaginem tudo isto com sol?

DSC07423

Tínhamos também uma degustação pra ser feita, mas, sabiamente, adiamos a tal pra noite de sexta.

DSC07431

De qualquer forma, sobrou o jantar de boas vindas no próprio restaurante do hotel. E as 21:00 hs, estávamos a postos pra mais uma dura batalha.

DSC01795

Iríamos comer e num lugar especial: na adega do lugar.

DSC01788

A nossa mesa foi montada sobre uma pirâmide de vidro (praticamente um mini Louvre) e estava linda.

DSC01786

Ainda sobre o efeito da almoço tardio, resolvemos todos dar uma maneirada e pedir somente um prato. Alguns (tais como a Dé e o Álvaro) apelaram e escolheram uma salada frugal como principal.

DSC01763

Outros (como a Lourdes) foram de sopa de cenoura. A Márcia pediu salmão no vapor com folha de figo e risoto de quinua vermelha, …

DSC01819

…, a Madá foi de chivo (o famoso cabrito) em 3 cocções com gnocchi de queijo de cabra, o Vianney pediu o tortellini com pato confit, …

DSC01817

… o Eymard escolheu um cordeiro cozido por 24 hs em baixa temperatura com creme de batatas trufadas, e eu, um legítimo bife de chorizo acompanhado de batatas fritas.

DSC07457

Todos, por incrível que pareça, estavam ótimos.
Experimentamos, por conselho da sommelier Márcia Lube, vinhos únicos. Um o Petit Verdot Gran Lorca 2008 e o outro, um Cabernet Franc XI Pulenta 2010.

DSC01806DSC01807

Olha, foi o complemento dum primeiro dia muito bom e altamente enogastronômico.

DSC07429

Este passeio à Mendoza promete.

SONY DSC

Hasta.

Leia sobre o outro dia desta viagem:
Santiago do Chile – Bocanáriz, olhos e ouvidos; Puerto … Fuy!

.

Anúncios

6 Responses to “dcpv – mendoza – dia uno – cavas wine lodge, que hotel!”


  1. 1 Marcia Lube setembro 10, 2013 às 8:38 am

    Adorei o post.
    Quero voltar !
    Sommelier Marcia Lube, que honra . Fala sério !!!

  2. 2 eymard setembro 11, 2013 às 12:38 am

    Sommelier Marcia sempre com as melhores dicas. O passeio estava só começando e a alegria era total. Que venham os proximos dias e os próximos encontros!

  3. 3 Madá setembro 11, 2013 às 9:13 am

    Lindo rever essas montanhas nevadas, que lugar calmo e o frio bem na medida para não deixar nenhum desconforto.
    A luminária feita de galhos é perfeita e os sorrisos nas fotos dizem tudo.
    Marcia, foi um luxo tê-la como nossa sommelier, sim, sempre com escolhas certeiras. Aquela sopa de tomate estava perfeita, com um tomate crocante e os pães feitos no hotel, hummm.

  4. 4 Vianney setembro 11, 2013 às 9:23 pm

    Este é mais um post, como diria, bem temperado : os cenários externos, os ambientes do hotel, as pessoas sobretudo; a gastronomia, os vinhos, os sorrisos, os momentos. Nota 10, Edu !
    Madá, aquela luminária do lobby é criação do Martin, o dono do Cavas: ele chamou um especialista em iluminação e pediu que ele montasse a luminária tendo como tema aqueles galhos de parreira. Nota 10 também: para a idéia e para a execução .

  5. 5 Leonardo Marques setembro 13, 2013 às 10:54 am

    Olá, pessoal! Também visitamos este local. A viagem para Mendonza foi em maio de 2011. Lembro-me de ter enviado um email para o Edu sobre dicas de Mendoza!

    Apesar da turbulência no vôo entre Santiago e Mendoza, e a tempestade de areia na vinícula Pulenta, o almoço/degustação no Cavas Wine Logde foi sensacional!

    Aguardando próximos capítulos.

    Abraço

    Leonardo Marques

  6. 6 eduluz setembro 13, 2013 às 6:47 pm

    Sommelier Marcia, também queremos!! 🙂

    Sócio, e que venham em forma de vinhos indicados pela nossa sommelier.

    Madá, é bom quando tudo se encaixa, né?

    Vianney (isto aqui está parecendo a nossa reunião. Cadê o Álvaro e a Lourdes?)). Também adoramos a luminária que o Martin projetou.

    Leonardo, aguarde, sim que serão muito bons.
    Agora, turbulência é apelido! O que foi aquilo??

    Abs mendoncinos pra todos.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




É só inserir o seu email, clicar no botão "Seguir" e a cada novo post publicado aqui, você receberá uma mensagem com o link. É fácil, qualquer criança brinca, qualquer criança se diverte! :)

Junte-se a 643 outros seguidores

Blog Stats

  • 1,350,322 hits
setembro 2013
S T Q Q S S D
« ago   out »
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30  

Arquivos

Atualizações Twitter


%d blogueiros gostam disto: