Arquivo para março \21\UTC 2014

dcpv – new york, segundo o sex shop mineiro.

número 366
01/10/2013

New York, segundo o sex shop mineiro.

E não é que a revista do sex shop mineiro, o Verdemar, enviada pela Drix pra este que vos escreve, rendeu mais uma noite?

DSC08117

Tudo bem que, na verdade, estamos mais é fazendo um laboratório pra nossa próxima viagem (junto com os sócios) e aproveitando pra pegar algumas boas dicas que constam das matérias.

DSC08064

A revista é tão bacana que se eu quisesse, faria mais um par de menus somente com as receitas que estão inseridas nela.

DSC08112

Vamos lá, então, provar algumas delícias novaiorquinas (se bem que, neste caso, poderíamos chamá-las de universais).

DSC08045

Let’s go!

Entrada – Salada de ervilhas e Tartare de salmão com maçã verde e sour cream.

Esta salada de ervilhas é muito fácil de fazer.

DSC08050

Basta cozinhar as ervilhas (450g) em favas (e aparadas nas pontas) em água com sal.

DSC08051

Elas devem ser cozinhadas bem rapidamente, escorridas e levadas em água fria pra interromper a cocção. Seque-as e corte em tiras na diagonal.

DSC08062

Frite 110g de pancetta  (eu usei a minha trapizomba de microondas).

DSC08061

Coloque numa tigela, 2 colheres de sopa de cebola roxa picada, junto com ½ xícara de suco de limão, ½ xícara de vinagre de vinho branco, ½ xícara de azeite e misture.

DSC08053

Adicione as ervilhas, a pancetta, 4 colheres de sopa de pecorino ralado, flor de sal e pimenta do reino. Salpique pecorino ralado e sirva.

DSC08071

Já o tartare é feito da seguinte maneira:  pique em cubos pequenos 200g de salmão defumado, …

DSC08046

… 200 g de salmão fresco, …

DSC08043

… uma maçã verde, …

DSC08047

… ½ cebola roxa …

DSC08054

… e tempere com sal, pimenta, azeite e folhas de dill.

DSC08055

Faça o sour cream batendo 300g de creme de leite com o suco de 1 limão. Junte 200g de cream cheese e bata até ficar homogêneo. Disponha por cima do tartare.

DSC08095

Eis uma entrada refrescante e bastante nipônica (ou seja, com um jeitão bem novaiorquino).

DSC08093

Pra variar, tomamos um bianchetto, um Vermentino Maremma 2012 que foi “segunda, nipianque, vecchio, bom RIR“.

DSC08098

Principal – Schinitzel de vitela com salada de batatas.

Esta é uma receita tirada do filme “O Poderoso Chefão”. E justamente porque foi no restaurante novaiorquino Loui’s que o Al Pacino, o Michael Corleone, degustou esta vitela empanada.

DSC08066

E como é que ela é feita? Basta temperar os filés de vitela com sal e pimenta do reino, passá-los em farinha de trigo e sacudí-los pra tirar o excesso.

DSC08085

Passe novamente em ovos batidos e finalize com farinha de pão.

DSC08087

Frite-os numa frigideira com óleo bem quente.

DSC08103

Já pra salada, cozinhe 500 de batatas descascadas e em cubos.

DSC08075

Misture estas batatas com 4 colheres de sopa de azeite, 3 colheres de sopa de mostarda Dijon, ½ xícara de cebolinha verde picada, 2 colheres de sopa de vinagre de framboesa, sal e pimenta do reino.

DSC08078

Prontíssimo! Não é a toa que Don Corleone matava qualquer um por um prato desses.

DSC08105

E ele também tomaria o vinho que acompanhou tudo. Era um tinto Segares Las Llecas Rioja que foi “fidêncio, tintureiro, rojo, cunhadesco“.

DSC08108

Sobremesa – Harumaki de maçã com sorvete de creme e canela.

Eis mais uma receita com influência asiática. Numa panela, junte 1 xícara de açúcar com 1 xícara de água, 2 maçãs vermelhas em cubos e 1 pau de canela, 1 anis estrelado, 1 cravo, 2 pimentas da Jamaica, 1 pedaço de gengibre, 1 pedaço de casca de tangerina.

DSC08058

Deixe cozinhar até que seque a água. Retire as especiarias e deixe esfriar. Coloque uma colher de recheio no centro da folha de harumaki e feche como um envelope.

DSC08082

Passe manteiga derretida por cima e asse em forno a 180°C por 15 minutos.

DSC08111

Sirva quente com uma bola de sorvete e salpique a canela. Pura delícia da Big Apple.

DSC08116

Eis a opinião dos ianques:
Do início ao fim, de cabo a rabo, do primeiro ao ultimo: tudo perfeito. (Edu)
Alfomega. (Mingão)
Que retorno! Espetáquila do começo ao fim! Deo gratias! (Deo)

DSC08099DSC08109

Start spreading the news
I’m leaving today
I want to be a part of it
New York, New York.

DSC08041

É isto aí!

DSC08092

Goodbye.

.

Anúncios

dcpv – um menu diferente, baiano e alaranjado.

número 368
29/10/2013

Um menu diferente, baiano e alaranjado.

Laranja baía : Originária da Bahia, esta variedade não possui sementes e sua casca é grossa, de um laranja forte, é fácil de retirar. Sua polpa é consistente, granulada e de um alaranjado vivo.
E foi através dum apelo visual que eu pensei neste menu.

DSC09501

Este apelo veio duma passada que demos no sex shop, já que no setor de hortifruti de lá estavam belas laranjas descansando nas vascas.

DSC09571

Compramos uma dúzia delas e eu só teria o trabalho de googlar “receitas+laranja baía”, aguardar o resultado e escolher a composição do cardápio desta noite.

DSC09523

Feito isto, só restava executar as receitas e o principal, comer tudo.

DSC09559

Vamos lá, então, ao menu das (e dos) laranjas.

Entrada – Salada de arroz na laranja.

“Faça diferente e prepare esta maravilhosa receita de salada de arroz na laranja aí na sua casa. É uma receita bastante fácil e prática, e o melhor que é muito saborosa, o tempo de preparo é de 30 minutos”.
É exatamente assim que este prato é apresentado no resultado do Google. Fácil é mesmo. E saboroso também.

DSC09529

Além de ser muito simples. Pra fazer, basta misturar a polpa de 4 laranjas baía, …

DSC09504

… 1 xícara de chá de arroz cozido, …

DSC09513

… 1 xícara de chá de peito de peru cozido picado, …

DSC09514

… ½ xícara de chá de pimentão vermelho picado …

DSC09512

… e ½ xícara de chá de maionese.

DSC09517

Se quiser seguir tudo ao pé da letra, sirva esta delícia dentro das cascas das laranjas.

DSC09530

Fica bem bonitinho e aproveite pra finalizar com cebolinha verde.

DSC09535

Aproveitamos pra tomar um bianchetto, um espumante, o Prosecco Scalini que foi “saúde, proust, zequinha, galoso“.

DSC09536

Principal – Filé de pato com talharim ao pesto.

“Esta receita já foi acessada por 838 pessoas. Não perca tempo e prepare você também.”
A apresentação da receita não é muito interessante.

DSC09553

Mas a simplicidade dela e o resultado me obrigaram a ser o número 839. 🙂
Na verdade, esta é uma receita de ingredientes e nada mais do que a junção de coisas extremamente conhecidas.

DSC09521

Inicia pelo pesto. É um de rúcula (formado por ela mesmo, azeite, sal, alho, manjericão, amêndoas e parmesão) e feito com a proporção que melhor lhe convier.

DSC09550

Já os peitos, os magrets de pato (esta é uma homenagem, sócios) são simplesmente temperados com sal e pimenta …

DSC09526

… e fritos, primeiramente com o lado da gordura pra baixo (por uns 7 minutos) …

DSC09547

… e depois, virados (e por uns 4 minutos).

DSC09546

Deixe descansar e fatie-os um pouco antes de servir.

DSC09549

Falta o macarrão, o talharim, que originalmente seria de pacote, mas que a Dé fez questão que fosse feito aqui mesmo (inauguramos a nossa nova Ferrari vermelha).

DSC09544

Pra montagem do prato, coloque rúcula temperada no fundo do prato, …

DSC09543

… o talharim misturado ao pesto …

DSC09555

… o pato fatiado sobre o talharim e decore com alguns gomos de laranja.

DSC09560

Olha! Ficou bem bom.

DSC09562

E pra demonstrar a ecleticidade do dcpv, traçamos um vinho tinto da Georgia (???), o Teliani Valley 2011 que se mostrou “sopa de letrinhas, mr xywzytz, constanza, hortelino“.

DSC09558

Sobremesa – Bolo do Estudante.

Mais uma receita pra nossa patisseur, a Dé, se aventurar. Pra fazer, basta bater 4 ovos com 250g de margarina e 2 xícaras de açúcar mascavo, juntar  2 e ½ xícaras de farinha de trigo peneirada com 1 xícara de maisena, intercalando 200ml de leite de coco.

DSC09508

Acrescente 150 ml de suco de laranja e 1 caixinha de creme de leite. Adicione, finalmente, 1 colher de sopa de fermento em pó e bata, até misturar bem .
Asse em forma grande, untada e enfarinhada, no forno quente até começar a dourar (não ficou muito bonito! rs).

DSC09509

Desenforme quente e aplique uma cobertura formada por uma caixinha de leite condensado levado ao microondas por 2 minutos.
Também ficou muito bom.

DSC09566

Eis a opinião dos laranjas ferrazenses:
Laranja é o que não somos. Somos comedores de. (Edu)
Isto é que é um pato de verdade (Mingão)
Quá, quá, quá, a real duck! (Deo)

DSC09538DSC09563

Pois é, sabe que as vezes é bacana fazer um menu através da ligação de um ingrediente?

DSC09568

Neste caso, usei a laranja baía como elo e acabei descobrindo que “a laranja-da-baía é provavelmente uma mutação natural que teria ocorrido na Bahia por volta de 1800. Acredita-se que tenha se originado da laranja seleta. Suas mudas passaram a ser disputadas e foram enviadas pelos serviços diplomáticos dos Estados Unidos para Riverside, Cailfornia. Daí saíram as mudas que se espalharam pelo mundo, agora chamadas de Washington Navel”.

DSC09533

Ou seja, além de gostoso, é cultural.

DSC09516

Até.

.

dcpv – ny – dia nine – despedida em alto estilo

19/10/2013

NY – Dia nine – Despedida em alto estilo.

A despedida diurna começou num formato que consagrou NY: um brunch.

DSC09401DSC09404

Havíamos reservado um (quer coisa mais novaiorquina?) no Asíate, o restaurante do afamado hotel Mandarin Oriental (esta dica foi dada pela Márcia Lube).

DSC09390

Chegamos e nós alojamos numa excelente mesa com vista pra rua e …

DSC09440

… melhor, pro Central Park.

DSC09439

Chamamos uma Billecart-Salmon (era a nossa despedida oficial) …

DSC09415

… e começaram a chegar a entradas.

DSC09414

Mais precisamente 4 delas e vieram num formato muito simpático, além de serem deliciosas.

DSC09408

Logo após, você tem que escolher 2 pratos quentes entre seis opções: a Lourdes optou por ravioli de abóbora e waffles de morango

DSC09418

… a Dé foi de salada com queijo de cabra e salmão

DSC09428

… o Eymard escolheu ovos mexidos e salmão, …

DSC09419

… enquanto que eu, decidi pelos mesmos ravioli da Lourdes e por filé mignon.

DSC09424

Mais uma vez a excelência de tudo foi a tônica.

DSC09425

Pra finalizar, a sobremesa comum a todos: um creme de abacaxi e uma torta de café e chocolate.

DSC09431

Ainda conseguimos dar um breve passeio pelo Central Park e pudemos babar no belo início do outono:

DSC09445

DSC09446

DSC09447

DSC09448

DSC09451

DSC09453

DSC09456

DSC09461

DSC09462

DSC09464

DSC09479

DSC09480

DSC09482

DSC09486

DSC09489

Olha, foi um adeus, ou melhor, um até breve daqueles.

DSC09459DSC09458

Goodbye NY.

Leia sobre os outros dias desta viagem:
Dia one – New York, niu iorque.
New York – Dia two – Eeeeeéééé touchdown.
NY – Dia three – Linha alta; High Line. E Fiiiiiiiiiiiiígaro.

NY – Dia four – O rei MoMA.
NY – Dia five – Compras, trufas e mais trufas.
NY – Dia six – Mais uma bola de três.
NY – Dia seven – Per che, Per Se.
NY – Dia eight – A mim, a ti, A Voce.

.


É só inserir o seu email, clicar no botão "Seguir" e a cada novo post publicado aqui, você receberá uma mensagem com o link. É fácil, qualquer criança brinca, qualquer criança se diverte! :)

Junte-se a 643 outros seguidores

Blog Stats

  • 1,350,344 hits
março 2014
S T Q Q S S D
« fev   abr »
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Arquivos

Atualizações Twitter