Arquivo de março \11\UTC 2017

dcpv – calábria calabresa.

número 421
16/06/2015

Calábria calabresa.

A minha mãe, a D Anina, é calabresa legítima. E é claro que fico tentado a reproduzir todas as receitas do livro Coleção Folha Cozinhas da Itália que versa sobre esta região italiana.

Ainda farei isso.

“No extremo sul da península Itálica, a Calábria é banhada pelos mares Tirreno e Jônico. As invasões no passado levaram a população a refugiar-se nas montanhas, dando origem a uma culinária simples, de sabor peculiar, ressaltado pela pimenta vermelha”.

Vamos lá, então, apimentar a sua e as nossas vidas.

Entrada – Zuppa di Fave.

Esta sopa de favas veio a calhar, já que a temperatura caiu bastante.

Inicie, refogando uma cebola grande picada no azeite até começar a dourar …

… e junte 2 tomates maduros picados (substituí por uma lata de tomates pelados), 50 g de carne de sol cortada em cubos …

… e uma lata de favas.

Refogue mais um pouco, cubra com água, ajuste o sal e tempere com pimenta a gosto.

Cozinhe, mexendo de vez em quando, até a carne ficar bem macia e o caldo, espesso.

Enquanto isso, toste fatias de pão italiano no forno.

Distribua as fatias em pratos e despeje a sopa bem quente.

Certamente, quem inventou a comfort food, estava justamente pensando neste prato.

Pra acompanhar, tomamos um vinho tinto, o Malbec Triuno 2012 que foi “refresco, no dos outros, trinta e um, MICTMR“.

Principal – Bracholas de Carne de Porco.

Estas Braciole di Maiale são muito boas.

Na verdade, são quase que um bife a rolé, só que de carne de porco. Comprei alguns bifinhos de lombo no sex shop.

Temperei-os com sal e pimenta a gosto e espalhei, sobre cada um , uma porção de pecorino, salsinha e alho.

Enrolei e fechei com barbante culinário.

Derreti um pouco de manteiga numa frigideira e dourei, em fogo alto, as bracholas de todos os lados.

Reguei com vinho branco e deixei cozinhar em fogo médio, com a panela tampada, por 15 minutos.

Servi as bracholas regadas com o caldo de cozimento e um risoto básico pra acompanhar.

Ficou uma verdadeira delícia.

Harmonizamos esta maravilha com um vinho branco, o Sauvignon Blanc/Chardonnay Mapu 2013 que foi “chi-chi-chi, le-le-le, puma, viva chile“.

Sobremesa – Biscoitos de anis.

Esses ciccitielli são muito curiosos (não preciso nem dizer que foi a Dé quem os fez, né?).

Pra fazer a massa, misture numa vasilha 3 ovos, 2 gemas, 75g de açúcar, 75g de manteiga, 1 cálice de licor de anis (by D Anina, off course) e 1 pitada de de sal.

Vá adicionando 500g de farinha de trigo e 1 colher de sopa de fermento em pó aos poucos, enquanto trabalha a massa, até ficar lisa e compacta. Deixe em repouso por uma hora.

Estenda a massa (este trabalho foi o Deo que fez) até atingir 1 cm de espessura e recorte os biscoitos em formatos variados.

Frite-os (aí foi o Mingão o encarregado) submersos em óleo quente até dourarem e escorra-os.

Já para a calda, ferva 150g de mel com 1/2 copo de água por 10 minutos. Retire do fogo e mergulhe os ciccitielli, misturando delicadamente.

Olha, eles não são Cheetos, mas é impossível comer um só!

Eis a opinião dos linguicinhas:
A mamãe sabe tudo! (Edu)
Piangere, piangere, cche maravilha! (Mingão)
Cosa cche qui?? (Deo)

“Limitada pela geografia e sem a fartura de outras regiões, a Calábria tirou proveito de seus ingredientes e criou sabores peculiares”.

Minha mãe, a legítima calabresa D Anina, sempre nos mostrou estas características.

Já que ela cozinha muito. Viva a Calábria!

Arrivederci.

.

 

 

 

 

dcpv – dia twaalf – amsterdã – finalmente conhecemos os jardins (maravilhosos) de keukenhof.

27/03/2016

Dia twaalf – AmsterdãFinalmente conhecemos os jardins (maravilhosos) de Keukenhof.

O dia amanheceu com muito sol (a previsão acertou).

dsc04150

E ainda bem, pois hoje seria o dia de conhecermos Keukenhof.

dsc04169

Pra quem não sabe, os jardins de Keukenhof são famosos …

dsc04162

… e quase uma Disney das flores.

dsc04193

Na verdade, eles não ficam em Amsterdã e sim, em Lisse.

dsc04152

Portanto, é necessário transporte pra ir pra lá.

dsc04154

Optamos por comprar tanto o ticket antecipado (pela Internet), como o combo com transporte incluído. E aí surgiu um pequeno problema.

dsc04155

Ninguém explica exatamente como você, estando hospedado no centro de Amsterdã, consegue chegar até o ponto inicial do ônibus que é justamente no aeroporto de Schipol. Nós resolvemos da seguinte maneira: pegamos um trem da central Station até o aeroporto e de lá, o transfer pro parque.

dsc04156

A fila era imensa (primeiro final de semana de funcionamento e feriado de Páscoa), mas a quantidade de ônibus era grande e embarcamos rapidamente.

dsc04158

Chegamos e uma multidão estava lá.

dsc04160

Mas tudo foi muito tranquilo, já que o espaço é muito grande.

dsc04159

É claro que nos embasbacamos com tudo o que vimos.

dsc04161

A organização, …

dsc04185

…  a limpeza, …

dsc04167

… o charme, …

dsc04164

… os jardins …

dsc04184

… de tudo o que é formato …

dsc04171

… com os mais variados tipos de flores, …

dsc04183

… enfim, um primor.

dsc04181

Mas a surpresa maior foi quando entramos numa estufa imensa e vimos as famosas tulipas.

dsc04198

Elas são o tema do parque …

dsc04199

… e não ficam nada a devera tudo o que você imagina.

dsc04204

São tão lindas e …

dsc04200

… tão diferentes …

dsc04201

… que seria impossível não fazer um fotoblog destas estrelas florais:

dsc04205

dsc04206

dsc04207

dsc04209

dsc04210

dsc04215

dsc04216

dsc04217

dsc04219

dsc04223

dsc04225

Depois desta maravilhosa visão,…

dsc04212

… ainda fomos dar uma olhada em exposições especiais de orquídeas,…

dsc04240

… de arranjos florais …

dsc04249

… e até um legítimo moinho nós conhecemos.

dsc04238

Só sobrou tempo pra comermos algumas coisas por aqui mesmo (o lugar tem muitos restaurantes) …

dsc04283

… tais como sopas pra Re e pra Dé, …

dsc04289

… um bom steak pra mim…

dsc04286

… e continuarmos a nossa visita.

dsc04291

Dizem que está não é exatamente a melhor época pra se visitar Keukenhof, …

dsc04259

… (o ideal seria na segunda quinzena de abril …

dsc04276

…. quando a floração está na sua plenitude) …

dsc04261

… mas, mesmo assim, gostamos muito.

dsc04293

A volta também foi tranquila …

dsc04298

… e fizemos o caminho inverso, pegando o trem do aeroporto para a Central Station.

dsc04299

Só sobrou tempo pra fazermos umas últimas comprinhas …

dsc04301

… comer mais umas perfeitas batatas fritas …

dsc04312

… e terminar o nosso tour europeu …

dsc04314

… numa legítima casa de champanhes.

dsc04320

Bubbles & Wines é um bar a vin e fica muito perto do hotel.

dsc04316

O lugar é bem bacana é muito tradicional.

dsc04321

Chegamos lá e a Re e a Dé pediram um voo de champagne, ou seja, 3 taças de diferentes produtores (entre eles o Louis Roederer).

dsc04323

Eu aproveitei uma promoção (como sou econômico!) e experimentei um taste neozelandês, composto de dois vinhos brancos e dois tintos.

dsc04322

Pra acompanhar, comemos parmesão com mel trufado, …

dsc04331

… um prato de charcuteria …

dsc04333

… e tâmaras com parmesão e bacon.

dsc04335

Tudo absolutamente delicioso e num ambiente que te faz ficar a vontade.

dsc04336

Bom, foi isso pessoal.

dsc04329

Este giro europeu por lugares tão bacanas como Paris,…

dsc03120

… Berlim …

dsc03597

… e Amsterdã, …

dsc04027

… nos deixou, mais uma vez, encucados quanto a dificuldade que temos em viver bem por aqui, em comparação com eles.

dsc04020

É uma pena, mas espero que um dia consigamos chegar lá.

dsc04273

Até a próxima!

Veja os outros dias desta viagem:

 


É só inserir o seu email, clicar no botão "Seguir" e a cada novo post publicado aqui, você receberá uma mensagem com o link. É fácil, qualquer criança brinca, qualquer criança se diverte! :)

Junte-se a 640 outros seguidores

Blog Stats

  • 1,332,496 hits
março 2017
S T Q Q S S D
« fev   abr »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

Atualizações Twitter