Posts Tagged 'gourmandise'

dcpv – da cachaça pro vinho – 22º interbBlogs – gourmandise no dcpv

01/12/09
Número 238

dcpv – 22º interblogs – Gourmandise no dcpv

“Oi, Edu. Que bom que gostaram! Tentamos montar receitas com poucos ingredientes e de fácil execução, assim todos que lerem o seu blog poderão fazer em casa também. Imaginei que estaria calor na época da execução dos pratos, por isso pensamos em fazer um menu com coisinhas refrescantes”.

Foi assim que a Nina respondeu ao meu e-mail sobre as impressões deste 22º interblogs (quer saber o que é?).

E pela resposta dá pra imaginar o que foi que eu escrevi sobre o jantar!

Vamos ao princípio: em 16/09/08, convidei a Nina e o Marcel do excelente blog Gourmandise pra indicarem um menu pra nós. Tivemos algumas idéias (comida japonesa, utilização de um ingrediente comum a todas as receitas, etc) e de repente, já que a conversa versava sobre legumes; porque não fazer um menu veggie?

Daí foi um pulo pra eles pensarem em usar chá em todas as receitas, agregados a um conceito ovo-lácteo-vegetariano.

Pronto! O tempo passou (mais de um ano) e o menu foi enviado por eles. Ele tem uma simplicidade e um toque tão pessoal que só de ler, já dá pra imaginar como ele é bom!

Os pratos são de rápida confecção mesmo e utilizam chás e infusões.
Antes de mais nada, deixa eu definir a exata diferença entre este dois: Chás  – são compostos apenas por Camellia Sinensis em água quente. Infusões – quando são elaborados com flores, frutas, ervas e outros líquidos.

É claro que esta definição foi da Nina e que aproveitei (interblogs também é cultura!) pra aprender e divulgar pros meus pares!
Portanto, com este clima zen e com a característica de ter uma comida saudável, leve e saborosa; vamos ao 22º interblogs, o Gourmandise no dcpv (e consequente 22º capítulo do nosso livro).

Bebidinha – Mojito de Capim Santo.

Facílimo de fazer e refrescante : macere capim santo com açúcar e junte H2O limão. Coe e encha um copo com muito gelo. Pronto!

Antepasto – Tomates frescos e Cidreira.

Este prato é instigante pois o contraste dos legumes com o mel e a pimenta dedo-de-moça além da junção  do chá de cidreira, o tornam inesquecível.

Basta fazer uma infusão com 2 saquinhos de cidreira, espremer os saquinhos e reservar. Antes disso, corte cebola em brunoise e deixe de molho em água fervente por 15 minutos.

Aí é só misturar o tomate sem pele e sem sementes também em brunoise (em bom português, em cubinhos), alho amassado, coentro e salsa picados, sal, mel, dedo-de-moça picada e juntar à infusão de cidreira.
Sirva com finas fatias de baguete torrada.

Iniciamos o serviço tomando uma bela água com gás saborizada com rodelas de laranja pera, hortelã e muito gelo (mais uma indicação deles).

Salada de pepino, queijo de cabra e hortelã.

Como a própria Nina disse, estes pratos são refrescantes e leves, compatíveis com o calor reinante. E são mesmo!
Uma salada de pepino japonês cortado em rodelas …

… queijo de cabra esfarelado …

… e um molho fotográfico ao extremo composto de azeite, vinagre de framboesa (uma delícia), mel, sal e folhas de hortelã branqueadas rapidamente pra logo após, frear a cocção através duma banho na água gelada.

  

Acabei montando os dois, tanto o antepasto como a entrada num prato só.
Foi aprovadíssimo e louve-se que a Dé já incorporou as duas receitas ao menu aqui de casa.

Continuamos com a água saborizada e abrimos um vinho branco com a uva indicada pelo Marcel, a Sauvignon Blanc, o De Los Man 2004 Chile, que foi “delicado, bicho grilo, insípido, que vinho?” segundo os animados ovo-lácteo-vegetarianos, nós mesmos.

Principal – Pasta alla Carbonara Veggie.

O primeiro prato que elaboramos pra este menu foi o principal, o Pasta alla Carbonara Veggie. No lugar do guanciale, usamos o LapSang Souchong, um chá preto chinês defumado. O aroma lembra muito o do bacon, mas o paladar é muito mais leve e já que a referência dele era italiana, achamos que seria plausível utilizar a mesma linha pros outros pratos”.

Parece simples, né não? E é, além de ser extremamente confortável e saboroso!
A grande sacada foi usar o chá como especiaria. Neste caso ele é triturado no almofariz.

No restante, é uma Pasta alla Carbonara comum só que com a utilização de ótimos ingredientes: gemas de ovos caipira ( veja a cor)…

… creme de leite fresco, Parmegiano Reggiano italiano, sal, pimenta e espaguete grano duro.

Todo mundo amou e comeu duas vezes. Inclusive a Dé que estava maravilhada com o sabor, a cremosidade e a delicadeza do prato.

Tomamos, seguindo uma pista do Marcel, um tinto italiano, o Colle Secco Montepulciano D’Abruzzo 2005 que além de ter uma bela e bojuda garrafa, foi “coadjuvante, italianaço, bello antonio potente, que vinho!” segundo os macrobióticos, nós mesmos.

Sobremesa – Panna cotta com Earl Grey.

A panna cotta é um clássico da confeitaria italiana, só recebeu um toque de Earl Grey (composto por chá preto e bergamota) para perfumar”.
Foi assim que a Nina indicou o princípio da receita que a Dé executou. E o doce ficou perfeito.

A Panna Cotta contém leite integral, creme de leite fresco, acúcar, gelatina incolor e a infusão (aprendi!) Earl Grey.

Ela ainda fez um Crème anglaise (leite integral, gema de ovo, açúcar e fava de baunilha).

Finalizei com uma farofinha de biscoito Amaretti (by sex shop) e que coroou esta magnífica noite ovo-láctea-vegetariana-italiana-infusionada.

Terminamos tomando (e o Marcel me permita desviar das indicações dele) um tremendo Anisete feito pela D. Anina. S-pe-ta-co-lo!!

Eis a opinião dos bichos-grilos:

Simples e uma super-produção. Ovo-lácteo-saboroso! (Edu)
Espetacular! Bela produção. (Mingão)
Majestoso ( simples e “amplo”). (Déo)

E aí vão as nossas famosas flores virtuais (eu juro que elas são ovo-lácteas-vegetarianas. rs)

Nina e Marcel, foi o maior prazer ter a participação de vocês aqui no dcpv e prazer maior ainda  verificar que o simples é cada vez mais delicioso desde que acompanhado de grandes ideias e ingredientes.
Como vocês podem, perceber, nós gostamos muito de tudo e espero que todos que estejam nos lendo tenham a oportunidade de reproduzir este menu em casa! Vão adorar!

Gratíssimo e até o próximo (semana que vem), que fechará o ano e será um mini Thanksgiving light (ôba, o que será isso?) indicado pela divertidíssima Cris do excelente From Our Home to Yours.

Abs a todos!

PS – Os capítulos 36º e 37º do nosso livro serão escritos pelos menus da Re e da Fran do Frango com Banana e do Vitor Hugo do Prato Fundo. Aguardem pois serão janeiro/fevereiro de 2011.

.

dcpv – da cachaça pro vinho – 15ª harmonização virtual e culinária thai no dcpv

número 230
15/09/09

dcpv – 15ª Harmonização Virtual e Culinária Thai no dcpv

Hoje eu vou fazer um dois em um.
Vou aproveitar que os blogs GourmandiseLe Vin au Blog estão realizando a 15ª Harmonização Virtual e encaixá-la num menu thai.

DSC01181-2

Estas harmonizações são bastantes interessantes e onde regularmente são indicadas uma receita e um vinho específico pra que todos (que estão dispostos) executem a receita, façam a harmonização e publiquem o seu parecer.

DSC01182-2

É claro que vamos fazer do nosso jeito. Ou seja, com as nossas opiniões altamente abalizadas devido ao desenvolvimento aguçado das nossas papilas gustativas após longos anos de treinamento no cam                 DSC01197-2

Aproveitando a “carona” thai da receita indicada pela Nina e pelo Marcel do Gourmandise, um lombo de porco com kinkan, complementei o menu com receitas do excelente livro editado pela PubliFolha, o Culinária Tailandesa, receitas fáceis de fazer que além de  informações muito interessantes, ainda traz um CD só com músicas thai (chatiiinhas!! rs).

DSC01191-2

Através do livro, consegui descobrir que originalmente, os tailandeses eram imigrantes do sudoeste da China que se estabeleceram no norte e foram se movimentando em direção ao sul, erguendo capitais com nomes românticos tais como Sukhothai (“Alvorada da Alegria”), Ayutthaya (“Inatacável”) e depois, Bancoc (“Cidade dos Anjos”).

DSC01187-2

Com tudo engatilhado e entremeado pelas entradas e sobremesas do livro, apresento a 15ª Harmonização Virtual.
Vamos lá!

DSC01192-2

1 – Bebidinha

Não tivemos bebidinhas (e consequentemente fotos!). O carro do Deo pifou!

2 – Entradas – Kanom Pang Nah-Goong, Khow Grieb Goong, Pad Yod Kao Pod Kab Khng e Khrong Moo Yang

É uma verdadeira mezzé thai ou melhor, um genuína sopa de letras. Um menu de experimentação do que a culinária thai pode apresentar.

DSC01177-2

Começamos com o Kanom, que são torradas de pão de forma cobertas por uma crosta formada por banha, camarões, castanhas de caju, coentro, alho, nam pla, amido de milho, clara de ovo e temperada por sal e pimenta.

DSC01206-2 DSC01230-2

Estas fatias de pão são cortadas em 4 e fritas com o lado da pasta pra baixo. Uma delícia total pois a crosta se funde ao pão e fica bem diferentona.
Além do acompanhamento de um relish de pepino pra equilibrar.

DSC01199-2

Já o Khow é o nosso bom e velho mandiopã de camarão (quem não se lembra?).

DSC01203-2

E servido com molhos  de pimenta, ameixa e soja. Lindo e hot!

DSC01223-2

O Pad é um prato com ervilha-torta e mini-milho cozidos numa wok com uma base de gengibre, alho e  cebola e misturado a um molho formado por água, molho de pimenta e nam pla.

DSC01178-2

Sensacional e a crocância dos legumes (especialmente, a ervilha) te faz comer como salgadinhos Elma Chips (pela propaganda e não, pelo sabor!).

DSC01235-2

Finalmente, o Khrong, que foi basicamente um reaproveitamento das costelinhas de porco que o “fominha” aqui pediu como entrada no almoço de domingo no Esplanada Grill do Morumbi Shopping e que sobraram.

DSC01234-2

Acrescentei às costelinhas uma marinada feita de coentro, mel, açúcar mascavo, nam pla, shoyo, alho, pimenta e coloquei no forno pra dourar.
E é claro que elas ficaram laqueadas e surpreendentemente churrasqueadas.

DSC01237-2

Resumão: mais uma daquelas entradas pra “entrar” (rs) pra história do dcpv.

DSC01233-2

Este restaurante que brevemente montaremos (só de entradas) irá bombar!

DSC01236-2

3 – Principal – Lombo de Porco com Kinkan

Não vou dar a receita completa. Se quiserem, peçam pra Nina. Vou me ater a comentar todos os detalhes da harmonização.
Antes disso, uma breve descrição da receita e do vinho indicado.

DSC01186-2

O lombo é cortado em cubos, temperado e dourado na wok. Salteia-se cebolinhas, pimenta vermelha e o lombo com a adição de vinho de arroz chinês, gergelim ralado …

DSC01202-2

… geléia de kinkã, shoyo e água. Cozinhe em fogo baixo acrescentando água até a carne ficar macia.  Sirva com arroz jasmim básico.

DSC01229-2

Tomamos o vinho branco Riesling Spätlese 2004 Selbach, que é da região de Mosel na Alemanha e foi indicado pelo Le Vin au Blog.

DSC01242-2

Vamos  aos comentários da harmonização:

: É um prato que acorda, desperta os sentidos e ao mesmo tempo muito delicado. O vinho doma o prato. Não sei quem é o delicado e quem é o domado!

DSC01240-2

Edu: O prato é tipicamente thai. Cheiroso, apimentado, adocicado e … saboroso. O vinho tomado sem acompanhamento se assemelha a um leve vinho de sobremesa, quase um branco seco docinho. Mas harmonizado com o prato, forma o par perfeito. Yin e Yang!

DSC01245-2

Mingão: Som e silêncio! Luz e escuridão! Mistura fina! Opostos atraídos pelo tempero delicado e ao mesmo tempo forte da culinária thai.

DSC01243-2

Déo: Não comi porque não estava aqui. Mas gostei muito!

4 – Sobremesa – Alsa Khrim Ka-Thi

Como o próprio livro diz “este rico sorvete cremoso não poderia ser mais fácil de preparar. O sabor do coco aparece no papel principal proporcionando o desfecho apropriado pruma refeição oriental“.

DSC01183-2

É isto mesmo! Um sorvete básico feito da junção duma calda (125ml de água e 225 g de açúcar) e leite de coco (800 ml) colocada na máquina de sorvete (não sei se a Verena do Mangia Che Te Fa Benne fez, mas ela iria adorar!)

DSC01254-2

E altamente reconfortante, tão reconfortante que até a Dé fez questão de comer (coisa rara de acontecer, ela ficar até a sobremesa!)

DSC01251-2

Resumo da experiência: esta harmonização virtual foi excelente em todos os sentidos. A combinação da receita (o lombo) com o vinho (o Selbach) foi perfeita.

DSC01257-2 DSC01259-2

E certamente ficará marcada aqui no dcpv como um dos grandes jantares que tivemos. Ainda mais escoltada pelas entradas e sobremesa que modestamente, este que vos escreve, escolheu!

DSC01211-2 DSC01241-2

La gon!

.


É só inserir o seu email, clicar no botão "Seguir" e a cada novo post publicado aqui, você receberá uma mensagem com o link. É fácil, qualquer criança brinca, qualquer criança se diverte! :)

Junte-se aos outros seguidores de 655

Comentários

Blog Stats

  • 1.467.989 hits
agosto 2021
S T Q Q S S D
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031  

Arquivos

Atualizações Twitter