Posts Tagged 'pink'

provence – dixième jour – o mundo cor-de-rosa em nice

13/07/2010

Provence – Dixième Jour  –  O mundo cor-de-rosa em Nice

Último dia na genuína Provence. Pelo menos, naquela em que estamos acostumados a associar com ela.

Melhor dizendo, última manhã.

E pra terminar com chave de ouro, nada melhor do que uma boa feira. Ou um marché, como eles denominam por aqui.

As feiras provençais são naturalmente encantadoras. E numa cidadezinha pequenininha, mais ainda.
Fomos à de Saint Saturnin les Apt.  Fica um pouco pra cima de Joucas (uns 10 km) e aproveitamos pra tomar o café da manhã por lá.

Só que chegamos depois das 10:00 hs e segundo as regras francesas, passou deste horário, só almoço! rs (mais uma vez a filosofia do Soup Nazi atacou!)
Resultado: compramos uns pães numa boulangerie e pedimos um capuccino num barzinho bem no melê da feira.  Até que foi uma bela substituição.
O restante é aquela história de sempre: frutas saborosas,…

 … queijos mais ainda, …

… sabonetes cheirosos (com um vendedor com uma tremenda lábia),…

… “coisinhas” pra prender os cabelos, …

… chapéus vistosos, …

… comidinhas fantásticas, …

… e toalhas de mesa enormes. Toalhas de mesas enormes?
É, a Re e a Dé conseguiram comprar uma toalha imensa com os seus respectivos guardanapos. E vou confessar: é muito bonita!

Passeamos bastante por lá, resolvemos subir mais um pouquinho e dar uma checada numa região pródiga em lavandas e muitos outros tipos de flores.

Fomos pra Lagarde d’Apt . O lugar é pequeno mesmo (somente 27 habitantes), mas a imensidão das plantações é impressionante.

Vistas de tirar o fôlego com kms e mais kms de campos  floridos.

Voltamos, fizemos um checkout rápido no hotel porque tínhamos um almoço marcado com a Rachel Verano (escritora fantástica especializada em turismo e dona do blog Viajar bem e barato. Como eu já disse é a Peter Mayle melhorada) e o Marco Pomarico, o esposo dela e grande fotógrafo, lá em Aix en Provence.

Era no Le Deux Garçons, um bistrô onde Cézanne batia ponto costumeiramente.

Atrasamos um pouquinho e eles também se bem que, no caso deles não vale pois moram bem perto dali.|
Conversamos bastante (eles são muito legais) e aproveitamos pra comer os pratos favoritos do Cézanne:

Salmão, creme de queijo de cabra, spaghetti ao pesto, salada de camarões e um beauf et frites.

A comida foi competente. O papo foi fantástico já que aproveitamos pra absorver toda a experiência turística deles (acompanhe o blog dela) além de matarmos a curiosidade já que só nos conhecíamos virtualmente. E olha que ela já participou ativamente dos planejamentos das nossas viagens.

Foi uma daquelas conversas prazerosas. Quanto ao restaurante, além da aura de se saber que o Cézanne esteve por lá, ficamos com a sensação que o bom mesmo deveria ser o pastis.

Saímos atrasadões de Aix, não sem antes tomarmos um sorvete de despedida e tirarmos uma foto de registro do delicioso encontro.

Quase 3 horas depois, chegamos a Nice.

E ao hotel Negresco,  famosíssimo e com a expectativa de encontrar mais um museu do que um lugar de descanso.

Foi justamente o que aconteceu.

Pra se ter uma idéia, o nosso quarto ficava no quarto andar que é a ala do Napoleão. Vários objetos da época dele decoravam o hall do elevador.

E o nosso corredor tinha uma exposição especial só com obras originais do Salvador Dali. Fantástico.

O quarto propriamente dito é confortável e, digamos, meio rococó. 

E os banheiros então? Você sente um verdadeiro imperador utilizando um trono dourado!!

A vista do quarto também é um espetáculo, dando a sensação de estar dentro do mar azul. Agora dá pra entender o porque da Côte d’Azur.

Saímos correndo (ai, slow!!) já que tínhamos ingresso pro show da Pink.
E chegamos estressados pois não conseguíamos lugar pra estacionar. É, até pra espetáculos o estacionamento é difícil por aqui.
Pelo menos, o por-do-dol compensava!

Conseguimos um lugar a kms do Palais Nikaïa e apesar do nosso pequeno atraso, ainda esperamos quase uma hora pro começo do show.
Apesar da nossa câmera ter sido confiscada na entrada (o que certamente impediu os registros), o show foi imperdível.
Alta tecnologia com a mais alta perfomance. A mulher entrou no palco através dum guindaste duns 40 m e terminou voando sobre a platéia.

Mais uma vez a experiência de assistirmos a um espetáculo durante uma viagem foi marcante.

A Pink fez o nosso mundo mais cor-de-rosa ainda!.

Arrivederci.
Amanhã iremos pra Itália e daremos quase que uma volta ao  mundo!!

.

Anúncios

É só inserir o seu email, clicar no botão "Seguir" e a cada novo post publicado aqui, você receberá uma mensagem com o link. É fácil, qualquer criança brinca, qualquer criança se diverte! :)

Junte-se a 658 outros seguidores

Posts recentes

Comentários

Blog Stats

  • 1.425.466 hits
outubro 2019
S T Q Q S S D
« set    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

Arquivos

Atualizações Twitter

Anúncios